Cigano é morto a tiros em confronto com policiais no Piauí

O crime ocorreu na cidade de Flores do Piauí.

Na noite desta quarta-feira (13/09), por volta das 21h, o cigano Jardel Pereira da Silva, mais conhecido como Cazé foi morto a tiros por policiais militares de Pernambuco. De acordo com informações, dois policiais saíram do Estado com destino a cidade de Flores do Piauí com a intenção de efetuarem a cobrança de um veículo que teria sido comprado por Jardel.

Em um determinado momento da discussão ocorreu uma troca de tiros que terminou com a morte do cigano na sua própria residência e um dos policiais ferido.

O policial atingido foi identificado como soldado Júlio César da Silva Santos. Já o outro militar envolvido é Rafael Ferreira Barros. Júlio César foi  internado inicialmente no Hospital de Canto do Buriti e depois foi transferido para o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano, enquanto Rafael encontra-se recolhido na Central de Flagrantes.

Jardel veio a óbito ainda no local
Jardel veio a óbito ainda no local (Crédito: Divulgação)


O tenente coronel Rubens Lopes, comandante do 3º Batalhão, afirmou que o soldado Júlio César também será autuado em flagrante, assim que tiver melhor de saúde e com condições de prestar depoimento para a polícia.

O comandante Rubens, após conversar com o Soldado Rafael, disse ainda que, eles saíram do estado de Pernambuco contratados por uma terceira pessoa para efetuar uma cobrança de uma dívida contraída pelo cigano e ao chegarem na residência foram recebidos a tiros pela vítima.


Duas pistolas foram apreendidas.

Jardel veio a óbito ainda no local (Crédito: Divulgação)
Cigano foi morto em confronto (Crédito: Divulgação)


Fonte: Com informações do Piauí Notícias
logomarca do portal meionorte..com