Com extensa ficha criminal, acusado de assassinar taxista é preso

O crime ocorreu no dia 29 de agosto de 2014 em Teresina.

Policiais das Rondas Ostensivas de Natureza Especiais (Rone) prenderam, na quinta-feira (06), um homem identificado como Erikles Gomes da Silva, acusado de participar do assassinato do taxista Carlos Alberto de Sousa, o 'Carlin', morto no dia 29 de agosto de 2014 na rua Anísio de Abreu, próximo ao Departamento Nacional de Obras contra a Seca, no centro de Teresina.

De acordo com os policiais do Rone, Erikles Gomes da Silva foi preso juntamente com um homem de nome José Italo Pereira dos Santos, no Morro da Esperança, zona Norte da capital. Os dois portavam 177 gramas de uma substância semelhante a maconha, balança de precisão e aparelhos celulares foram apreendidos. 

Erikles Gomes da Silva foi preso logo após o crime e levado para a Penitenciária Irmão Guido, de onde empreendeu fuga e estava foragido desde então. Na época, a população e vários taxistas protagonizaram tumulto na Central de Flagrantes onde protestaram colocando fogo em pneus e interditando a avenida.

O delegado James Guerra, que esteve à frente do caso, divulgou no Agora da Rede Meio Norte a ficha criminal de Eribles Gomes da Silva, que na época já tinha passagens por vários crimes e que mesmo depois continuou  agindo fora da lei. 

Ficha criminal de acusado de matar taxista (Crédito: Rede Meio Norte)
Ficha criminal de acusado de matar taxista (Crédito: Rede Meio Norte)
Corpo do taxista  Carlos Alberto de Sousa, o Carlinhos
Corpo do taxista Carlos Alberto de Sousa, o 'Carlin' (Crédito: Efrém Ribeiro)
Protesto após a morte do taxista
Protesto após a morte do taxista



Fonte: Portal Meio Norte