Detentos são transferidos de volta para presídio de Esperantina

A meta da Secretaria de Justiça é evitar a superlotação.

Nesta quinta-feira (09), a Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus) iniciou a transferência de presos para a Penitenciária Regional Luiz Gonzaga Rebelo, em Esperantina, no Norte do Piauí, após rebelião e duas fugas em massa, resultando em 85 presos foragidos, além da destruição de parte da estrutura prisional causada pelo motim no dia 06 de outubro deste ano.

De acordo com informações do portal RevistaAz, cerca de 92 detentos se encontram atualmente no presídio de Esperantina. A meta da Secretaria de Justiça é evitar a superlotação.

A unidade tem capacidade para 147 presos, mas abrigava quase 400 detentos antes da última rebelião. Após o motim, o presídio foi interditado e os presos foram transferidos para outras penitenciárias do estado para reforma da estrutura.

FORAGIDOS

Segundo informações da gerência do presídio, já foram capturados 56 detentos, mas 29 continuam foragidos.


Fonte: Com informações do Revista AZ
logomarca do portal meionorte..com