Polaco: Policiais prende chefe do contrabando de cigarros no Brasil

Uma operação conjunta prendeu, nesta quarta-feira (23), em Mato Grosso do Sul, Alcides Carlos Greijianin, conhecido como Polaco

Uma operação conjunta prendeu, nesta quarta-feira (23), em Mato Grosso do Sul, Alcides Carlos Greijianin, conhecido como Polaco. Ele é apontado pela Justiça Federal como um dos maiores contrabandistas de cigarro do país. Ainda segundo a Justiça Federal, com o dinheiro dos crimes de contrabando, Polaco já teria comprado 11 fazendas na fronteira com o Paraguai. Uma delas tem 2,5 mil hectares e foi avaliada em R$ 25 milhões.

Polaco foi preso em Eldorado, durante a Operação Alvorada Voraz, feita pela PRF e pelo Grupo de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público Estadual (MPE-MS) e conta com o apoio do Comando da Polícia Militar. O município fica na região sul do estado, a 440 quilômetros de Campo Grande.

Operação

A operação tem como objetivo desmantelar uma organização criminosa composta por civis, agentes tributários e policiais militares, que atua no contrabando de cigarros estrangeiros do Paraguai e da Bolívia, e que são vendidos para diversos estados.

Durante a operação, serão cumpridos outros16 mandados de prisão temporária, 28 mandados de busca e apreensão domiciliar e 9 mandados de busca e apreensão de veículos, em sete cidades de Mato Grosso do Sul.

Investigações

Segundo informações do Gaeco, as investigações, que estão sendo feitas desde outubro de 2010, apontaram que policiais militares permitiam a passagem de carregamentos de cigarros em troca de propinas.

Fonte: g1, www.g1.com.br
logomarca do portal meionorte..com