Ex-presidiário agride esposa grávida após desconfiar de traição

O crime aconteceu na cidade de Cocal.

Um jovem identificado como Nataniel Alves Oliveira, mais conhecido como "Loirin do Risca Faca", de 19 anos foi preso pela Guarda Municipal  acusado de cometer os crimes de ameaça e agressão contra uma irmã e sua companheira que está grávida. O fato aconteceu no Bairro Santa Teresinha em Cocal, município localizado na região Norte do Estado do Piauí.

Em depoimento, as vitimas informaram a polícia que o acusado é acostumado em realizar badernas no bairro quando está sob o efeito de bebida alcoólica misturada com entorpecentes. Ao chegar em casa visivelmente alterado, ele passou a ameaçar a própria irmã e agrediu com socos na região do abdômen a sua esposa, gestante de 03 meses.

O agressor nega que ameaçou a irmã, mas assume que bateu em sua esposa após descobrir através de terceiros que a sua companheira estava lhe traindo com outro homem durante a sua temporada de quase um mês na Penitenciária Mista de Parnaíba.  Ele alega que estava preso no período em que ela engravidou, por isso acredita não ser o pai da criança.

"A gente morava junto e assim que sai do presidio eu fui morar com outra mulher em Parnaíba. Dias depois ela veio atrás de mim dizendo que estava grávida e que eu era o pai. Eu deixei a mulher que eu estava e voltei a morar com ela. Quando foi agora o 'Nêgo' aqui ficou doido, pois me disseram que enquanto eu estava na 'Mista', ela teve um rolo com outro cara. Cheguei em casa e perguntei de quantos meses ela estava grávida e ela respondeu que de três. Aí fui fazer as constas e não bateu, porquê três meses atrás eu estava era preso", relatou Nataniel.

O acusado foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Cocal, onde foi lavrado o flagrante e encontra-se custodiado a disposição da justiça.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Blog do Coveiro
logomarca do portal meionorte..com