Filha de sargento da PM é agredida após reagir assalto em Teresina

A ação ocorreu na Avenida Nações Unidas, no bairro Vermelha

Uma mulher, que não teve o nome divulgado, foi assaltada na noite de segunda-feira (30), no momento em que estacionava  seu carro na Avenida Nações Unidas, no bairro Vermelha, na zona Sul de Teresina. A mulher, que é filha de um sargento do BPRone (Batalhão de Rondas Ostensivas de Naturezas Especiais), da Polícia Militar do Piauí, foi abordada por um homem que estava em uma motocicleta, ela tentou reagir e foi agredida. O crime aconteceu por volta das 23h.

Wagner Lima Verde Araújo é suspeito de ter comedito o crime (Crédito: Reprodução/Polícia Militar)
Wagner Lima Verde Araújo é suspeito de ter comedito o crime (Crédito: Reprodução/Polícia Civil Maranhão)

Assustada, a mulher, que estava na companhia da mãe, reagiu a ação criminosa e acabou sendo agredida com soco na cabeça pelo acusado. Após a agressão, o criminoso fugiu levando a bolsa da vítima com dinheiro, cartões, celular e documentos pessoais. 

A mulher foi levada para atendimento médico no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde passou por exames e foi medicada. O seu estado de saúde é estável. Por conta da violência em que foi abordada, a mulher estava bastante nervosa, mas apesar do trauma ela declarou em depoimento que o homem agiu sozinho e que a moto utilizada no crime estava caracterizada como adesivos de mototáxi. No entanto, não soube dizer se o suspeito estava armado.

A vítima restou queixa na delegacia e em ação rápida dos policiais do 1º Batalhão da Polícia Militar (BPM), conseguiram identificar o suspeito, Wagner Lima Verde Araújo, o Índio, como pricipal acusado do assalto. Wagner já é conhecido da polícia e possui passagens por delitos de roubos na capital. O suspeito também já havia sido foi preso em Timon, no Maranhão.

Fonte: Portal Meio Norte
logomarca do portal meionorte..com