Fuzil russo e pistola turca são apreendidas com assaltantes no PI

Os bandidos estavam em um sítio na estrada de José de Freitas

Na operação, em que as polícias prenderam dois assaltantes e mataram outros dois acusados de assaltos a caixas eletrônicos, carros fortes e agências de correios, as polícias civil, através do Greco (Grupo de Repressão ao Crime Organizado) e polícia militar através do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) apreenderam em um sítio em José de Freitas onde os bandidos estavam escondidos forte armamento, a maior parte com venda proibida no Brasil, como fuzil A4 russo, submetralhadoras, revólver norte-americano Smith calibre 357 e uma pistola fabricada na  Turquia.

“Foram apreendidas três submetralhadoras, dois revólveres, cinco pistolas, quatro fuzis, revólver calibre 357 e uma pistola turca. O revólver calibre 357 é mais para uso pessoal, mas, o mais potente nesse segmento. São todas armas com vendas proibidas no Brasil e contrabandeadas”, declarou o o comandante do Bope, Coronel James Seam.

Fuzil russo e pistola turca são apreendidas com assaltantes de bancos no Piauí
Fuzil russo e pistola turca são apreendidas com assaltantes de bancos no Piauí


O Secretário de Segurança, Fábio Abreu e o delegado Geral da Polícia Civil, Ridel Batistas e delegados especializados, além do Bope apresentaram, na entrevista coletiva, realizada na manhã desta segunda-feira (26), na Secretaria Estadual de Segurança, o resultado da operação que desarticulou parte da quadrilha que vinha assaltando e explodindo caixas eletrônicos, agências bancárias, roubando carros fortes e agências dos correios no Piauí e Maranhão.

O Chefe da Quadrilha, segundo o Secretário Estadual de Segurança Pública, Fábio Abreu, é um homem identificado como 'Bara', que foi morto durante a operação acusado de reagir contra a polícia.

Fábio Abreu disse ainda que a quadrilha já estava se preparando para assaltar um carro forte no Maranhão, região vizinha ao Piauí.  Ele informou também que a polícia militar e civil ainda estão em busca de outros assaltantes de bancos e carros fortes como os que roubaram o carro forte em Floriano e a sede da Servisan onde levaram R$ 15 milhões.

“Foi uma ação iniciada em virtude de recentes acontecimentos ocorridos o Piauí como roubo de bancos e caixas eletrônicos. A partir daí, formos coletando informações, tivemos apoio da Secretaria de Segurança do Maranhão. Daí nós conseguimos fazer o levemento, os policiais militares do Bope foram ao sítio onde esses indivíduos estavam. É uma orientação da polícia reagir fortemente contra os bandidos que fazem reação armada contra os policiais. Se eles usarem armas de fogo contra os policiais, vão ser abatidos, foi o que aconteceu em relação as mortes ocorridas em José de Freitas. Dois outros assaltantes foram neutralizados e autuados em flagrante”, declarou Fábio Abreu.

Segundo ele, a polícia vai fazer um levantamento sobre os bens que 'Bara' colocou no nome de outras pessoas de sua família para tentar sequestrar e os carros apreendidos que foram roubados vão ser devolvidos aos seus proprietários.

Foram apreendidos um automóvel Duster de placa PIE 2709, uma caminhonete Hilux de placa PIM 8107 e um Corolla de placa PIK 9299.

Automóveis apreendidos
Automóveis apreendidos


Fábio Abreu acredita que três grandes quadrilhas estão atuando no Piauí em roubos de bancos, e carros fortes e explosões de caixas eletrônicos.  Ele disse que a quadrilha que foi desbaratada no sábado em José de Freitas não tem relação com assalto dos R$ 15 milhões da Servisan, mas que polícia está próximo de chegar aos responsaveis pelo assalto ao cofre forte da empresa.

Foram presos na operação dois suspeitos de assaltos a carros forte e caixas eletrônicos no Piauí e Maranhão, Alexandre Martins Braz e Luis Carlos Rodrigues de Oliveira que foram presos no sítio em José de Freitas. Foram mortos o chefe da quadrilha José Carlos da Silva, o Bara, e Francisco da Silva, o chico.

Fábio Abreu disse que 'Bara' começou no mundo do crime praticando pequenos delitos e chegou a esse ponto de ganhar poder e dinheiro suficientes para participar de assalto a bancos.

Ele declarou que os assaltantes investiam dinheiro roubado na compra de armamento para novos assaltos e em compra de drogas para venda. O sítio é de um bandido que também fazia parte da quadrilha, o Carlinhos, que está preso na penitenciária de Pedrinhas, no maranhão.

Armas apreendias com assaltantes de banco no Piauí
Armas apreendias com assaltantes de banco no Piauí


O Delegado Geral, Ridel Batista, disse que foram encontrados com os bandidos em José de Freitas, 28 bananas de dinamites, já preparadas para serem usadas e os bandidos já haviam participados de um assalto ao carro forte na BR-343 em Campo Maior no dia 23 de novembro; a um assalto a carro forte no município Coelho Neto (MA) no dia 1 de novembro, de explosão e roubos de caixas eletrônico no município de Demerval Lobão no último dia 16 de dezembro, além de agências dos correios em Santa Cruz dos Milagres, São Félix do Piauí, Francinopolis e caixas eletrônicos de Demerval Lobão, Campo Maior e Altos e Castelo do Piauí.


Armas apreendias com assaltantes de banco no Piauí
Armas apreendias com assaltantes de banco no Piauí
Armas apreendias com assaltantes de banco no Piauí
Armas apreendias com assaltantes de banco no Piauí


Fonte: Com informações de Efém Ribeiro