Homem é imobilizado e morto por policial durante abordagem; vídeo

A família pede Justiça pelo caso.

Nesta quarta-feira (18), um homem identificado como Wanderson Sousa, foi morto com um tiro no momento em que era imobilizado no chão por um policial militar, em Guarulhos.

De acordo com a esposa da vítima, a morte do seu marido ainda é um mistério. Na delegacia responsável pelo caso os policiais deram poucas informações do crime. Daniele Alves informou apenas que seu marido reagiu a abordagem do policial e durante uma discussão foi baleado com um tiro no peito.

Imagens de um vídeo feito por uma testemunha mostra o momento em que Wanderson Sousa está imobilizado e o policial está ajoelhado ao lado. É possível ver o PM fazendo força para segurar os braços da vítima que o tempo todo se debate.

Homem é imobilizado e morto por PM (Crédito: Reprodução)
Homem é imobilizado e morto por PM (Crédito: Reprodução)

Um outro homem de camisa verde ajuda o policial a conter o jovem. Em seguida se ouve um estampido. O PM se levanta com a arma na mão e o homem de camisa verde também se ergue e entra em uma pick-up que estava estacionada ao lado da cena do crime.

O policial então caminha até o meio da rua. Wanderson Sousa, gemendo, consegue ficar de pé e atravessa a rua cambaleando, quando cai no meio fio, aparentemente já sem vida. O resgate foi chamado, mas Wanderson Sousa chegou morto ao hospital Santa Marcelina, no Itaim Paulista.

Para a mulher de Wanderson, o vídeo deixa claro que o marido foi executado quando estava imobilizado no chão pelo PM e o outro homem.

De acordo com a comunicação social da PM, Wanderson teria roubado um veículo e feito o proprietário refém por volta das 10h20. Durante uma perseguição policial, atropelou uma pessoa que dirigia uma moto e, após o acidente, trocou tiros com policiais, quando foi baleado. Foi socorrido ao Santa Marcelina, onde não resistiu aos ferimentos.


Fonte: Com informações do R7
logomarca do portal meionorte..com