Homem é preso acusado de roubar e estuprar duas mulheres no Piauí

Wenesjones Alankardênio Araújo foi preso no município de Piripiri.

Um homem  identificado pela polícia como Wenesjones Alankardênio Araújo foi preso sob acusação de estupro contra duas mulheres após uma festa na zona rural do município de Piripiri, a cerca de 165 km de Teresina. O  delegado Hugo de Alcântara, da Polícia Civil, informou que o estupro ocorreu no último sábado, dia 26 de novembro.

De acordo com o delegado, as duas foram abordadas pelo acusado ao sair da festa em uma motocicleta, placa e modelo não identificados. Em posse de uma  arma de cano artesanal, ele subiu no veículo e ordenou que as duas seguissem viagem. As vítimas, de imediato, disseram que ele podia levar a moto, dinheiro e celulares, mas o acusado afirmou que "queria era elas".

Delegado Hugo de Alcântara, da Polícia Civil (Crédito: Piripirireporter)
Delegado Hugo de Alcântara, da Polícia Civil (Crédito: Piripirireporter)

"Ele foi autuado por estupro e roubo, com o emprego da arma de fogo. Ele não confessou o estupro. Confessou que abordou, roubou e levou as vítimas ao açude. Teve um momento que ele até confirmou que chegou a levantar o vestido de uma das vítimas, mas negou a todo momento a prática dos atos libidinosos", afirmou Hugo.

Segundo o delegado, o estupro ocorreu no Açude Anajás, onde Wenesjones Alankardênio chegou a morder as vítimas e fazer atos libidinosos, conforme relatos das vítimas repassados durante depoimento.

Nas imediações da Av. Bandeira Monte, perto de um motel, ocorreram novos abusos. As duas foram liberadas logo depois e conseguiram identificar a residência do acusado, que tentou empreender fuga e se esconder, mas acabou sendo preso. 




Fonte: Portal Meio Norte/Com informações do Piripirireporter