Líder religioso suspeito de estupro 'pregava sobre a castidade'

Ele é suspeito de estuprar mulheres em um grupo de oração.

Um líder religioso identificado como Paulo Monteiro Amorim foi preso acusado de estuprar várias mulheres no bairro Meireles, em Fortaleza, no Ceará. Um rapaz que frequentava a igreja liderada pelo acusado, que prefere não se identfiicar, conta que tomou um susto ao ficar sabendo das acusações, já que o religioso, segundo ele, costumava 'pregar sobre a castidade'. 

"Ele pregava exatamente o contrário daquilo que foi descoberto, sempre evangelizava sobre a palavra de Deus em relação a castidade e a importância da família", disse ao acrescentar: Quando o caso veio à tona a gente procurou a igreja, que deu apoio as meninas e orientou para que elas procurassem as vias legais". 

Paulo Monteiro Amorim, acusado de estuprar várias mulheres
Paulo Monteiro Amorim, acusado de estuprar várias mulheres

De acordo com as investigações, o líder religioso agia na companhia da mulher e dopava as vítimas que costumam dormir em sua residência,onde ocorria grupos de oração. O jovem conta que o acusado ainda chegou a ser solicitado para prestar esclarecimentos aos demais membros, mas negou envolvimento. 

"Ele negou as acusações com o argumento que teria dificuldades de ereção por ser diabético e justificou a entrada no quarto das meninas com o objetivo de fechar as janelas, para que elas não passassem frio", acrescentou. 

Cinco menores e mulheres já prestaram queixa contra suspeito no 2º Distrito Policial. "Algumas delas chegavam a entrar em um processo de negação, por aquilo ter sido feito por uma pessoa em que elas tanto confiavam", disse o jovem. 



Fonte: Com informações do G1-CE
logomarca do portal meionorte..com