Mais três pessoas são presas na Operação Vigiles

Dois dos presos no fim de semana já foram liberados

Subiu para 30 o número de presos na Operação Vigiles, que fraude no Concurso Público de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar do Piauí, ocorrido no ano de 2014. De acordo com a Polícia Civil, um dos foragidos foi preso na última sexta-feira e os outros dois se entregaram à polícia.

Os presos neste final de semana foram identificados como Gabriel Alves, Francisco Laylson e Jacquelyne Alves Brandão. Todos eles eram alunos do curso de formação, que foi suspenso pelo comando do Corpo de Bombeiros após a operação. 

Por terem contra si mandados de prisão temporária, Francisco Laylson e Jacquelyne Alves foram liberados ainda no final de semana. Outros dois presos na operação foram liberados pelo mesmo motivo. Os demais, por terem mandados de prisão preventiva, permanecem presos. 

Operação Vigiles

Na última quinta-feira, a Secretaria de Segurança Pública e a Polícia Civil do Piauí, por meio da Divisão de Crimes de Corrupção, do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO), executaram a 'Operação Vigiles', relativa à apuração de fraude ao Concurso Público de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar do Piauí, ocorrido no ano de 2014.

Foram cumpridos 36 mandados de prisões, 35 mandados de conduções coercitivas e 71 mandados de buscas e apreensões expedidos pelo Juiz de Direito Dr. Luiz de Moura Correia, titular da Central de Inquéritos Policiais de Teresina.

Com as prisões do fim de semana, seis pessoas envolvidas no crime ainda são consideradas foragidas. Na última sexta-feira (18), a Polícia Civil divulgou, as fotos dos acusados para que a população possa ajudar na descoberta do paradeiro dos mesmos. 

Fonte: Portal Meio Norte
logomarca do portal meionorte..com