Motorista do Uber é assassinado após sair de bar em Campo Grande

Thiago tinha dois filhos e foi enterrado na manhã de ontem

O motorista de Uber Thiago Henrique Alcântara de Souza, de 31 anos, foi assassinado a tiros na madrugada do último sábado(10) em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio. A Divisão de Homicídios (DH) não descarta nenhuma hipótese para a motivação do crime.

O rapaz foi encontrado por policiais militares dentro de seu carro, um Fiat Linea prata. O veículo estava batido no lado esquerdo, e sem os vidros do lado direito. O amassado tem as cores amarelo e branco. Thiago, que morava em Campo Grande, estava a cinco minutos de casa quando foi alvejado.

 Motorista do Uber é assassinado após sair de bar em Campo Grande
Motorista do Uber é assassinado após sair de bar em Campo Grande


Segundo os parentes da vítima, ele começou a dirigir uber há cerca de duas semanas. Na noite da última sexta-feira, o rapaz saiu para trabalhar, fez algumas corridas e em seguida teria parado num bar para beber com amigos. Na volta para casa, foi morto.

A mãe dele, Mara Alcântara, chegou a fazer uma postagem no Facebook, no domingo, pedindo ajuda para encontrar o filho. O texto teve quase 3 mil compartilhamentos na rede social.

 Motorista do Uber é assassinado após sair de bar em Campo Grande
Motorista do Uber é assassinado após sair de bar em Campo Grande


Thiago tinha dois filhos e foi enterrado na manhã de ontem, no Cemitério Jardim da Saudade, em Paciência, na Zona Oeste do Rio. De acordo com o delegado Fabio Salvadoretti, responsável pelas investigações, a Divisão de Homicídios faz diligências, principalmente para localizar testemunhas que tenham presenciado o crime e possam esclarecer sua dinâmica.

Fonte: Com informações do Extra