Mulher é morta a pedradas por amigo do filho em Oeiras

O criminoso foi preso quando tentava fugir.

Na noite deste domingo (05/11), uma mulher identificada como Maria Alzenir de Sousa, foi assassinada a pedradas no conjunto Wellington Gonzaga, bairro Barrocão, município de Oeiras.

De acordo com informações, a vítima foi morta em casa e o principal suspeito foi identificado como André Lucas de Sousa Nascimento, amigo do filho da vítima e costumava dormir na residência.

Testemunhas relataram para a polícia que viram André saindo do local onde foi encontrado o corpo. Segundo o delegado, a vítima foi morta a pedradas que atingiram o rosto, destruiu parte do seu crânio e estava com indícios de ter sido abusada sexualmente. "A impressão é de que ele tentou forçar um ato sexual com ela. A mulher resistiu e ele a matou a pedradas", disse o delegado Francisco Rodrigues.

Ela foi encontrada sem roupas e com várias mordidas no pescoço.

André, que reside no assentamento Ilheas Verde II ainda tentou fugir, mas foi contido por populares e preso pela Força Tática de Oeiras. A perícia vai identificar através de exames se a vítima foi estuprada. 

Pedra usada no crime (Crédito: Reprodução)
Pedra usada no crime (Crédito: Reprodução)
Acusado foi preso quando tentava fugir (Crédito: Reprodução)
Acusado foi preso quando tentava fugir (Crédito: Reprodução)



Fonte: Com informações do Mural da Vila
logomarca do portal meionorte..com