Mulheres “alugavam” filhos por R$ 30 ao dia para pedintes no Ceará

Oito mulheres foram presas pela Polícia Civil

Na noite da última sexta-feira (26), oito mulheres foram encaminhadas para a Delegacia de Defesa da Mulher de Fortaleza, após serem acusadas de explorarem várias crianças na avenida Beira Mar, na capital cearense. Os policiais chegaram às mulheres após uma denúncia do Ministério Público. 

A Polícia foi até o local para comprovar a ação criminosa de várias mulheres, que de acordo com as informações usam as crianças para sensibilizar pessoas que utilizam o lugar para passear.

“Elas estavam agindo no calçadão, próximo a hotéis luxuosos, e infelizmente essa é uma prática constante”, explica o policial.

Mulheres atuavam na avenida Beira Mar (Crédito: Reprodução)
Mulheres atuavam na avenida Beira Mar (Crédito: Reprodução)

De acordo com informações da polícia, algumas mães alugavam as crianças por R$ 30 por dia para que elas fossem exploradas.

“Ficamos sabendo que algumas crianças eram ‘alugadas’, ou seja, mães cobravam para que elas pudessem ser usadas para pedir dinheiro”, indica.

As mulheres foram encaminhadas para a Delegacia de Defesa da Mulher e lá prestaram depoimento. O policial também afirma que algumas já são reincidentes. “Infelizmente, algumas já estiveram por aqui“, reitera.

Fonte: Com informações da Tribuna do Ceará
logomarca do portal meionorte..com