Piauiense é assassinado após deixar delegacia no Crato-Ceará

Rogério das "Creós" tinha várias passagens pela polícia.

Dois homens identificados como Leonardo de Vasconcelos Sousa e Francisco Rogério Silva, vulgo Rogério das "Creós", foram assassinados a tiros na cidade do Crato, no Ceará, na noite de sexta-feira (29). Rogério, natural de Picos, no Piauí, tinha várias passagens pela polícia.

De acordo com informações da Polícia Militar do Crato, os dois seguiam de carona em um veículo modelo Fiat Pálio Wekend com o advogado de defesa, identificado como Jerry Cruz Bezerra, e após deixarem a Delegacia de Polícia Civil da cidade, foram surpreendidos por vários tiros efetuados por dois homens em uma motocicleta. 

Piauiense Francisco Rogério Silva, vulgo Rogério das "Creós", (Crédito: Reprodução)
Piauiense Francisco Rogério Silva, vulgo Rogério das "Creós", (Crédito: Reprodução)

“As informações preliminares dão conta de que eles eram suspeitos de ter participado deste crime na cidade de Potengi-Ceará, mas nada foi comprovado. Eles foram ouvidos na condição de suspeitos, porque pelo que parece já tinham uma vida pregressa de envolvimento com o crime. As investigações vão apontar as causas”, disse um dos policiais que atendeu a ocorrência.

Os dois morreram no local. O advogado também foi atingido pelos disparos e está internado em estado grave no Hospital Regional do Cariri. Uma quarta pessoa, que seria assistente do advogado, foi baleada e segue internada no mesmo hospital.

Histórico criminal 

Na madrugada de sexta (29)  duas agências bancárias foram alvo da ação de criminosos no município de Potengi, na Região do Cariri, no Ceará. Leonardo e Francisco foram chamados na Delegacia como suspeitos deste crime e liberados em seguida.  

piauiense também é suspeito ainda de assalto a um banco no interior. Rogério das "Creós" foi preso e chegou a cumprir pena na Penitenciária José de deus Barros, em Picos. 



Fonte: Portal Meio Norte
logomarca do portal meionorte..com