PM e populares capturam ex-presidiário acusado de assaltar mulheres

Ele será transferido para um presídio do Estado

Condenado a uma pena de 13  anos, 07 meses e 15 dias de reclusão, porém, beneficiado pela justiça com o direito de recorrer da sentença em liberdade, o ex-presidiário Romário Gomes Machado foi preso novamente, após ser apontado pela polícia e por testemunhas como o autor de um assalto que deixou duas mulheres feridas em Cocal, município localizado na região Norte do Estado do Piauí.

A Polícia Militar chegou até o acusado após receber a informação de que o mesmo estava oferecendo ao preço de R$150,00 um dos objetos  subtraídos de uma das vitimas. Os militares, juntamente com os familiares e amigos das vitimas passaram a diligenciar com o intuito de encontrar Romário, que foi localizado e dominado pela população após sofrer um acidente de moto nas proximidades do Bairro Alfa Dois

Romário estava em liberdade condicionada a restrição de direitos desde o dia 14 de outubro de 2016. A sentença condenatória de mais de 13 anos de prisão pelo crime de tráfico de drogas foi proferida no dia 30 de janeiro de 2017, pelo juiz de direito, Dr. Carlos Augusto Atantes Júnior, titular da Comarca de Cocal.

O suspeito foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Cocal, onde foi lavrado o flagrante e reconhecido por outras vitimas como a autor de outros assaltos no município. Ele será transferido para um presídio do Estado, onde cumprirá a sua pena.

Image title

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Blog do Coveiro
logomarca do portal meionorte..com