Polícia apura caso de homem que alugou carro e sumiu com veículo

Dono do veículo denuncia a polícia

Um homem identificado como Clécio Nazareno Cruz Santos, vulgo Cambota (foto ao lado), de 36 anos, está sendo acusado de estelionato por ter furtado um veículo Fiat Uno em Castelo do Piauí, através do conhecido golpe do "aluguel de carro". Além de ter deixado um prejuízo em hotel da cidade, Cambota, segundo a polícia, responde a vários processos criminais, principalmente nos estados do Pará e Amazonas.


Image title

O acusado chegou a Castelo do Piauí, hospedou-se num hotel e procurou quem na cidade poderia lhe alugar um carro. Daí surgiu o cidadão castelense Jailton Alves de Vasconcelos, que se prontificou a alugar seu veículo Fiat Uno. Jailton não teve o cuidado de pedir documentos de Clécio Nazareno Cruz Santos, que sumiu da cidade com o carro placa LWI 8145, Teresina-PI, ano 2013. Augusto Vasconcelos Junior, irmão da vítima, manteve contato com o MPiauí solicitando que divulgasse o caso.

Segundo a polícia, o estelionatário é velho conhecido da Justiça do Estado do Pará, inclusive com audiência marcada para o próximo dia 31 de Janeiro. Numa busca pelo site Jus Brasil, vários processos em seu nome foram encontrados.

Cambota também já foi preso após tentar aplicar um golpe contra um motel do bairro Cremação, em Manaus. Após uma noitada com duas mulheres o elemento se recusou a pagar a conta e a polícia foi acionada. Com o acusado foram encontrados vários documentos de identificação e propostas de compras de carros de luxo. Ao ser preso ele alegou que era aposentado e que pagaria a conta do motel no valor de 300 reais quando recebesse o pagamento. Sobre os documentos encontrados em seu poder, disse que pertenciam a amigos seus da cidade de Tucuruí (PA).

Fonte: Com informações do MPiaui