Polícia Civil identifica mãe que jogou recém-nascida no lixo

A mulher se mostrou arrependida do ato.

Nesta terça-feira (14/02), a Polícia Civil comandada pelo delegado Anchiêta Nery, identificaram a mulher que abandonou uma bebê recém-nascida dentro de um saco de lixo na cidade de São Miguel do Tapuio. A criança foi encontrada por profissionais do caminhão de lixo durante uma coleta diária no município.

O bebê foi levado para o Hospital José Furtado de Mendonça onde recebeu os primeiros atendimentos. Ao dar entrada no local, a recém-nascida ainda estava com o cordão umbilical.

A mãe foi identificada após uma ação da Polícia Civil que coletou informações junto aos órgãos ligados a saúde e com o apoio dos moradores de São Miguel do Tapuio. “Após investigações foi possível perceber que ela passou por uma alteração hormonal após o parto e por isso acabou abandonando a criança. Ela nos relatou que a família não sabia da sua gravidez e apresentava um quadro depressivo, ficando desesperada quando entrou em trabalho de parto sozinha. Ela afirmou que depois do ato se arrependeu e voltou ao local para pegar a criança mas ela já não estava mais lá”, declarou o delegado.

Ainda de acordo com Anchiêta Nery, o pai da bebê também não sabia da gravidez e agora está em outro relacionamento e morando fora do Piauí. “Vamos investigar através de uma perícia psicológica para saber se isso de fato aconteceu após o parto. Também queremos saber se as pessoas que moram com ela não poderiam ter evitado esse abandono. A criança continua sob cuidados da equipe do hospital e acompanhada pelo Conselho Tutelar, e a mãe responderá por abandono de incapaz.

Image title

Image title

Image title

Fonte: Portal MN
logomarca do portal meionorte..com