Policial que fez selfie com dinheiro em presídio é morto a tiros

Ele foi morto após discutir com homem em uma festa no Rio

O policial militar reformado Renault Ferreira Feitosa, 39 anos, foi morto a tiros, na Zona Norte do Rio após discutir com um homem quando participava de uma festa na comunidade Barreira do Vasco. Segundo informações, depis que discutiu, o PM deixou o local e, ao passar pela Rua Ricardo Machado, foi alvejado a tiros.

O Policial, quando atuava na PM, foi preso em 2012 sob acusação de ter roubado um carro. Ele foi levado para para o Batalhão Especial Prisional (BEP), que na época funcionava no Benfica, e de sua cela fez uma selfie ostentando dinheiro. A foto foi postada no Facebook com a legenda: "Queria poder gastar tudo que está na minha mão hoje no Rio do Bacalhau. Desce combo".

Renault era portador de esquizofrenia, foi considerado inimputável e absolvido das acusações de roubo, mas em 2014 a justiça determinou sua internação em um hospital psiquiátrico por três anos.

O policial era filho de um pastor e a Divisão de Homicídios investiga a sua morte.


Policial fez selfie ostentando dinheiro
Policial fez selfie ostentando dinheiro




Fonte: Extra