Professor é morto a facadas após desentendimento em bar

Agnaldo tinha 48 anos e deixa dois filhos

Um homem identificado como Agnaldo Silvio Santos, foi assassinado a facadas no início da noite deste sábado, 19, em São João da Varjota.

Agnaldo era professor da rede estadual de ensino lotado e também vice-prefeito e secretário municipal de esportes.

O crime aconteceu após um desentendimento em um bar na comunidade Potes. Agnaldo foi atingido com duas facadas, sendo uma profunda na barriga e outra na altura das costelas.

O professor ainda foi socorrido e levado para a Unidade de Pronto Atendimento de Oeiras (UPA), onde já chegou sem vida.

suspeitos presos (Crédito: Reprodução/PRF)
suspeitos presos (Crédito: Reprodução/PRF)


Após o crime, os dois suspeitos, que segundo informação estavam morando há pouco tempo em São João da Varjota, fugiram em direção a cidade de Picos e foram presos pela Polícia Rodoviária Federal.

Um boletim de ocorrência foi registrado pela família na Delegacia de Oeiras e a polícia investiga o caso buscando chegar a motivação do crime.

Agnaldo tinha 48 anos e era casado com a também professora Sueli Santos com quem tinha dois filhos.

Agnaldo Silvio Santos (Crédito: Reprodução/facebook)
Agnaldo Silvio Santos (Crédito: Reprodução/facebook)


Fonte: Com informações do Mural da vila
logomarca do portal meionorte..com