Revolta marca enterro de mulher morta por engano em Parnaíba

Os criminosos queriam matar o homem que estava no bar.

Na última sexta-feira (19), uma mulher identificada como Sarah Maria Carvalho Gonçalves de 32 anos, morreu durante um tiroteio na Pedra do Sal, litoral de Parnaíba.  Sarah foi morta em seu estabelecimento de trabalho quando dois homens em uma moto Fan de cor preta chegaram e efetuaram vários disparos para atingir um cliente que estava na lanchonete da vítima.

Os criminosos erraram o alvo e acabaram acertando a vítima na cabeça. O IML fez a remoção do corpo e a Polícia Civil trabalha para prender os suspeitos.

O enterro da vítima ocorreu na manhã de domingo (21), no cemitério da Igualdade, em Parnaíba.

Emocionados, familiares e amigos questionaram durante o enterro “Mais quantas mães de família precisam morrer? Até quando vai ser preciso a polícia prender e a justiça soltar?”.



Fonte: Com informações do Blog do Pessoa
logomarca do portal meionorte..com