Secretaria de Segurança divulga nota sobre ranking das capitais

A secretaria de segurança explicou os dados.

O levantamento da consultoria Macroplan mostra que Curitiba (PR) garantiu o primeiro lugar no ranking entre as melhores capitais do país Com pouco mais que 460 mil habitantes, a cidade de Macapá (AP) é a primeira na lista das piores capitais para se viver no Brasil, segundo estudo da consultoria Macroplan. Em 18º lugar, aparece Teresina.

Teresina ocupa o lugar de 9ª pior capital do Brasil de um total de 26. Com uma população de 840 mil habitantes, Teresina tem os piores indicadores em saneamento e ficou em 3º lugar com a pior segurança pública. Ocupando o 18º lugar no Ranking das capitais do Brasil, Teresina obteve o índice de 0,536, de um total de zero a um.

A Secretaria de Segurança Pública do Piauí afirmou em nota, que os dados analisados relativos à segurança da capital referem-se ao ano de 2014, quando o Estado registrou os maiores índices de violência de toda sua história.

Confira a nota completa:

Sobre a pesquisa publicada pela Revista Exame que avaliou as condições de vida nas capitais brasileiras, a Secretaria de Segurança Pública do Piauí informa que os dados relativos à segurança referem-se ao ano de 2014, quando o estado piauiense registrou os maiores índices de violência de toda a sua história. A atual gestão, ao assumir a pasta no ano de 2015, planejou e efetivou uma série de ações com o objetivo de reduzir a criminalidade. Um conjunto de medidas como reforço no policiamento ostensivo, convocação de policiais civis e militares, investimentos na estrutura, entre outros, possibilitou a queda dos índices. No ano de 2014, Teresina registrou 446 ocorrências de crimes violentos letais intencionais. Em 2016, os casos somaram 363. Comparando os dois anos a redução é de 18,6%. A SSP-PI é consciente de que ainda há muito a ser feito para garantir a tranquilidade almejada pelos teresinenses e piauienses, mas esclarece que todos os esforços são empreendidos através de um trabalho comprometido, transparente e de valorização dos nossos policiais.


Fonte: Ascom
logomarca do portal meionorte..com