Suspeito de matar homem em campo de avião é preso em Jaicós

O criminoso matou o homem a pedradas.

Policiais Civis e Militares cumpriram, nesta segunda-feira (22/05), um mandado de prisão preventiva expedido pelo juiz da Comarca de Jaicós, Dr. Franco Morette Felício de Azevedo, contra um homem identificado como José Francisco da Silva Filho, de 25 anos, apontado como autor de um homicídio ocorrido em junho de 2016.

O crime ocorreu no campo pouso de avião e chocou a cidade pela violência com que foi praticado. Na época, o corpo da vítima, Edvan Monteiro Silva, natural de Belém do Piauí, foi encontrado por populares nas ruínas da antiga da casa de controle, com marcas de pedradas na cabeça. A motocicleta da vítima também estava no local.

O assassinato foi investigado por quase um ano pela Delegacia de Polícia Civil de Jaicós. O delegado Gregory Almeida, responsável pelo caso, relatou que são muitos os elementos que apontam a autoria do crime e que levaram a polícia a solicitar a prisão preventiva do suspeito ao Poder Judiciário.

Questionado sobre os elementos, o delegado não detalhou. “O inquérito segue em sigilo, e por isso, não posso revelar os elementos da investigação, até para não prejudicar os trabalhos que ainda estão em andamento. O que posso adiantar é que os elementos são suficientes para o esclarecimento da autoria e para o indiciamento do mesmo pelo crime de homicídio qualificado”, disse. José Francisco da Silva Filho, suspeito de ter praticado o crime, é casado com uma prima da vítima.

O delegado informou que a prisão já foi comunicada aos órgãos competentes, como Poder Judiciário e Ministério Público. “Ainda vamos proceder algumas diligências para que seja encerrado o Inquérito Policial, e em seguida, todo o material será encaminharmos ao Poder Judiciário”, acrescentou Gregory.


Fonte: Com informações do Cidades na Net