Travesti é morta com golpes de faca depois de ameaçar colegas

Vítima tentou fugir, mas levou mais de 17 facadas depois de briga

Uma travesti conhecida como Paola Bracho foi morta em Dourados, no Mato Grosso do Sul. A vítima tentou fugir, mas levou mais de 17 facadas depois de uma briga. 

O crime aconteceu em um conhecido ponto de prostituição de Dourados. Tudo aconteceu porque a vítima estaria cobrando uma taxa para que outras travestis usassem o ponto. 

De acordo com a polícia, seis travestis cometeram o crime porque queriam acertar contas com ela.

Ela estaria ameaçando as outras travestis de morte. Ainda de acordo com a polícia, cada uma das pessoas envolvidas no crime possuía um instrumento para cometer o assassinato. 

A vítima tinha passagens pela polícia por furto e roubo.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do R7