Vídeo mostra policial forjando tiroteio em assalto com refém

OAB suspeita que polícia tenha manipulado a cena do crime.

Novas imagens obtidas revelam o momento em que um homem identificado como Tiago Messias Ribeiro, de 31 anos, morto enquanto era feito refém, é abordado pela Polícia Militar, em Senador Canedo, na Região Metropolitana de Goiânia. Câmeras registraram o homem sendo socorrido após ser baleado, e reforçam que um PM entrou no carro roubado e fez vários disparos depois que assaltante já estava morto.

A Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil Seção Goiás (OAB-GO) suspeita que a polícia tenha manipulado a cena do crime, para parecer que disparos foram dados em legítima defesa. De acordo com Danilo Vasconcelos, membro do grupo, o caso vai ser acompanhado pela Ordem.

“Aparentemente é para mostrar que houve uma reação ou uma ação de quem estava dentro do carro. Há uma suspeita grande de que houve uma conduta indevida para simular uma troca de tiros que, aparentemente, não ocorreu”, disse.

Thiago Messias

Inicialmente, no domingo (26), a Polícia Militar disse que os policiais revidaram, atingindo os ocupantes do carro porque foram recebidos a tiros. Em uma última nota, divulgada na segunda-feira (27), a corporação disse que um inquérito foi aberto na Corregedoria da Polícia Militar, e uma resposta deverá ser dada em 40 dias.

Os vídeos são analisadas pela Polícia Civil, que já ouviu um sargento da PM, e deve ouvir os demais envolvidos. As imagens mostram o carro roubado cercado por policiais militares. É possível ouvir dois tiros, mas não dá para identificar de onde eles partiram.

Na sequência, uma viatura da PM encosta próximo ao carro. Por outro ângulo, é possível ver o momento em que Tiago é retirado do carro já baleado e é colocado no porta-malas do carro da polícia.

Enquanto Tiago é socorrido, um outro policial entra no carro roubado pela porta do passageiro, se abaixa e faz vários disparos no para-brisas do veículo.


Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com