Com saldo positivo, Piauí foi o 5º do país na geração de empregos

O Estado contratou 8.071 pessoas em empregos formais

O Piauí tem se destacado cada vez mais na geração de empregos formais. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nessa segunda (21) pelo Ministério do Trabalho, mostram que o Piauí fechou com saldo positivo de 0,55% no percentual de variação entre admissões e demissões no mês de outubro. Desta forma, o estado subiu duas posições e agora ocupa a 5ª posição no ranking nacional em termos percentuais.

De acordo com os dados, o Piauí contratou 8.071 pessoas em empregos formais, sendo o quarto estado do Nordeste com a maior geração de empregos formais no Nordeste, ficando atrás de Alagoas, Sergipe e Pernambuco. Nove estados da região fecharam o mês com saldos positivos de geração de empregos de acordo com o Caged.

O estado tem se destacado mês após mês na criação de novos postos de trabalho. Numa comparação entre admissões e demissões, o Piauí teve um saldo positivo de 1.614 novas vagas.

Das 27 unidades da federação, apena três tiveram saldos negativos, mostrando que o país está superando o desemprego, criando novas vagas de trabalho com carteira assinada. No mês de janeiro, o Piauí fechou o mês como o primeiro do Nordeste, mantendo-se entre os três primeiros na posição em abril, em maio manteve-se novamente em primeiro, em junho fechou em segundo, e agora em quinto, mas, com saldo positivo.

Por meio da Secretaria de Estado do Trabalho e Empreendedorismo (Setre), órgão que trabalha para a melhoria na geração de emprego e renda junto ao Sine/PI, tem se conseguido cada vez mais driblar a crise do desemprego no estado, como avalia o gestor da Setre, Gessivaldo Isaías.

“Em meio à crise econômica, temos fortalecido a oferta de cursos profissionalizantes no estado, estimulando as empresas a caminhar na contramão do desemprego. O Sine diariamente tem ido à procura e capturado vagas, encaminhando os trabalhadores para o mercado de trabalho, tendo a cada semana a alegria de estarmos crescendo e dando melhorias para o nosso Piauí,” pontuou o gestor.



Fonte: Ascom
logomarca do portal meionorte..com