'Empoderada’ com escolha para ministério, diz Cristiane Brasil

Cristiane ressaltou que mulheres sofrem dificuldades na política

A deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ), que será nomeada para o Ministério do Trabalho, afirmou nesta quarta-feira que se sente “empoderada” com a escolha.

Cristiane ressaltou que mulheres sofrem dificuldades na política e destacou que, por isso, será um “grande prestígio” assumir o cargo. A parlamentar ainda disse ter certeza de que seu pai, o ex-deputado Roberto Jefferson, está emocionado com a sua ida para o ministério.

— Fico muito orgulhosa de ser escolhida como ministra. Meu pai, com certeza, está muito emocionado. Primeiro mandato de deputada federal fiz 82 mil votos no Rio, que não é simples, viro presidente de partido durante um tempo. Agora, acho que para uma mulher política, para quem as dificuldades são maiores, é um cargo de grandes prestígio. Sinto-me empoderada — disse Cristiane Brasil.

Roberto Jefferson chegou a chorar ao conversar com jornalistas, dizendo que a indicação de Cristiane Brasil para o ministério é um resgate ao nome da família, doze anos depois de eclodir o mensalão — responsável por denunciar o escândalo.

Réu confesso, Jefferson foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e passou 14 meses preso.— É o orgulho , uma emoção que me dá. É um resgate (ao nome da família) — disse ele, que confirmou que será candidato a deputado federal por São Paulo.

O nome foi ideia do próprio presidente Michel Temer e do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha. Na terça-feira, Jefferson conversou com ela sobre a possibilidade. Antes, ela havia sido sondada por integrantes do Palácio do Planalto.A deputada estava de férias em Fernando de Noronha, e desembarcou em Recife na tarde desta quarta-feira, após a nomeação ter sido confirmada.

A nomeação será publicada nesta quinta-feira no Diário Oficial da União, e a posse deve ocorrer na semana que vem.

Após Ronaldo Nogueira pedir demissão do cargo, na semana passada, o PTB indicou o deputado Pedro Fernandes (MA) para a vaga. A posse do parlamentar era esperada para essa semana, mas o Planalto recuou da indicação, por Fernandes não ter o aval do ex-presidente José Sarney.

O presidente do PTB, Roberto Jefferson, disse ainda que o nome de sua filha veio "da cabeça do Temer", e que ele estava ventilando outros nomes dentro do partido.— Mas aí ele (Temer) falou: 'Roberto, e a Cristiane? Por que não a Cristiane? veio da cabeça do presidente — disse o ex-deputado.


Cristiane Brasil
Cristiane Brasil



Fonte: O Globo
logomarca do portal meionorte..com