Firmino tentará incluir Aeroporto de Teresina em projeto de PPP

Prefeito irá se reunir com o ministro dos Transportes nesta terça

O prefeito Firmino Filho estará em Brasília nesta terça-feira (27), no Ministério dos Transportes, para tratar da questão do aeroporto de Teresina. De acordo com o chefe do executivo municipal, existe um bloco de aeroportos do Nordeste que serão colocados em processo de privatização e a ideia é incluir o novo aeroporto de Teresina nesse pacote através de Parceria Público-Privada (PPP).

“O que nós desejamos é que o novo aeroporto de Teresina possa entrar através de PPP nesse pacote do Ministério dos Transportes. Ou seja, que dentro desse pacote se coloque já o reassentamento do aeroporto do atual sítio para o novo a ser definido pelo Governo Federal. Dessa forma, já existiria em um curto espaço de tempo uma determinação para que o Governo Federal providencie através desse mecanismo de PPP a saída do nosso aeroporto da atual localidade, que é um local ruim, porque é em uma parte muito baixa da cidade, e muito perto do Centro, o que tem impossibilitado a verticalização de Teresina”, explica o prefeito.

Prefeito Firmino Filho (Crédito: Reprodução )
Prefeito Firmino Filho (Crédito: Reprodução )

O prefeito Firmino Filho e o secretário municipal de Parcerias e Concessões, Erick Amorim, recentemente se reuniram com o presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, para tratar justamente de projetos de concessões e Parcerias Público-Privadas em conjunto com a instituição, especialmente, para a construção do novo aeroporto da capital.

Já existe um estudo em andamento feito pela Secretaria Municipal de Parcerias e Concessões para a construção do novo aeroporto de Teresina. Uma das ideias em estudo é o aproveitamento do atual sítio aeroportuário como parte do negócio.

No ano passado, a Prefeitura de Teresina apresentou ao Ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Maurício Quintella Lessa, e o presidente da Infraero, Antônio Claret, o projeto do novo aeroporto. Pelo projeto, o prédio deverá ser retirado da área habitada em que está situado e construído em outra região da cidade por meio de uma Parceria Público-Privada (PPP). Enquanto isso, a área do Aeroporto Senador Petrônio Portella, na zona Norte de Teresina, passaria por uma requalificação, proporcionando mais qualidade de vida aos moradores do seu entorno.

Fonte: Portal Meio Norte
logomarca do portal meionorte..com