Pesquisa revela que mesmo condenado Lula lidera cenários em 2018

A pesquisa foi realizada pelo Datafolha em 194 cidades do Brasil

Uma nova pesquisa realizada pelo Datafolha revelou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se mantém na lideraça para eleições presidenciais do próximo ano com uma boa vantagem em relação aos seus principais adversários.

Segundo a pesquisa, Lula tem 35% dos votos nos cenários testados, mesmo condenado em primeira instância pelo juiz Sergio Moro.

Os dados da pesquisam revelam que o segundo lugar está empatado entre o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) e a ex-senadora Marina Silva (Rede). O deputado fica com 16% e 17% enquanto a ex-senadora varia entre 13% e 14% quando estão no páreo contra Lula.

Os candidatos do PSDB, João Dória e Alckmin, segundo o levantamento, apresentam 8% das intenções de voto, desempenho equivalente na disputa com Lula, Bolsonaro e Maria Silva.

Quando testado para um suposto segundo turno, o ex-presidente surge vencendo todos os seus adversários, pela primeira vez. Uma única exceção acontece, caso hipoteticamente, haja um confronto entre Lula e o juiz Sergio Moro (que tem descartado concorrrer a presidente) e nesse caso há um empate técnico.

Ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (Crédito: Jorge Araújo 21.set 2017/Folhapres)
Ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (Crédito: Jorge Araújo 21.set 2017/Folhapres)


Ainda é incerta a presença de Lula nas eleições de 2018, pois se for condenado em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal por recebimento de um tríplex em Guarujá da construtora OAS. ele pode ficar inelegível.

Se isso acontecer, a pesquisa revela que a transferência de voto de Lula é restrita, pois somente 26% afirmaram votar com certaza em alguma indicação do ex-presidente.

A pesquisa foi realizada nesta quarta-feira (27) e na quinta-feira (28) onde o Datafolha entrevistou 2.772 pessoas em 194 cidades do país. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Fonte: Uol
logomarca do portal meionorte..com