PSDB tenta barrar show de Caetano Veloso em São Bernardo do Campo

Prefeitura teria impedido a entrada de equipamentos da apresentação

A Prefeitura de São Bernardo do Campo (SP), que tem à frente o tucano Orlando Morando, teria impedido a entrada de equipamentos necessários para a realização de uma apresentação de Caetano Veloso na ocupação Povo Sem Medo, do MTST, no município paulista.

O show do cantor é sem solidariedade às 8.000 famílias que ocupam um terreno no Jardim Planalto há 45 dias.

A mulher e empresária de Caetano Veloso, Paula Lavigne se dirigiu até a sede da prefeitura para tentar a liberação após os equipamentos serem barrados. Lá, foi informada que o poder municipal teria sido questionado pelo Ministério Público e, por isso, embargado a apresentação. Lavigne então seguiu para o Fórum de São Bernardo para seguir com a negociação.

As atrizes Sonia Braga, Letícia Sabatella e Alinne Moraes acompanham Paula Lavigne na tentativa de liberar os equipamentos a tempo. Elas também apoiam a ocupação e estavam no local conversando com as famílias desde o início da tarde



Fonte: Uol
logomarca do portal meionorte..com