Réu em várias ações no STF, Renan Calheiros deixa liderança do PMDB

Ele teria escolhido sair da liderança antes de ser "expulso"

De acordo com o site Antagonista, Renan Calheiros (PMDB) escolheu sair da liderança do PMDB antes de ser “expulso” por colegas de partido que tomaram o lado de Romero Jucá (PMDB). Sendo assim, diz o Antagonista em poucas linhas: “Renan decidiu entregar o cargo de líder no PMDB no Senado. Saiu antes de ser saído: Romero Jucá havia conseguido os votos necessários para tirá-lo”.

Jucá e Calheiros já vinham se desentendendo por conta das posições do senador alagoano em relação ao presidente Michel Temer (PMDB). Recentemente, Renan Calheiros declarou que Temer já não mais governa o país. Virou um opositor ferrenho. 

O homem que salvou Dilma Rousseff (PT) de perder seus direitos políticos, não tem a mesma paciência com Temer.



Fonte: cadaminuto.com.br