Polo de Academia da Saúde é entregue à população da zona Sul

Inauguração faz parte da programação dos 165 anos de Teresina

O Polo de Academia da Saúde Lúcia de Fátima Pereira de Meneses foi entregue na noite desta terça-feira (08), à população do bairro Monte Castelo. O evento faz parte das atividades alusivas aos 165 anos de Teresina. O programa Academia da Saúde, do Ministério da Saúde, é uma estratégia de promoção da saúde e produção do cuidado que funciona com a implantação de espaços públicos conhecidos como polos do Programa Academia da Saúde.

"Todos nós sabemos que a saúde é fruto também de nossos hábitos. Aquilo que comemos e exercitamos condicionam de forma decisiva a nossa saúde. É muito bom vermos que a saúde pública está se voltando para a prática da atividade física", falou o prefeito Firmino Filho, durante a entrega do Polo de Academia do Monte Castelo.

A Unidade Básica de Saúde (UBS), anexa ao polo, tem três Equipes de Saúde da Família, atendendo aproximadamente 10.500 mil pessoas do bairro Monte Castelo. "Quero agradecer. Agora nossas atividades físicas vão melhorar com esse novo espaço", disse Sueli Amorim, umas das pessoas que serão beneficiadas com o novo Polo de Academia da Saúde.

A Academia da Saúde Lúcia de Fátima Pereira de Meneses  tem 70,03 m² de área construída, mais 268,17 m² de área para atividades externas. O local tem quatro ambientes: depósito, área de vivência, jardim e área de equipamentos. O investimento na obra foi de R$ 199.308,03.

"Dentro da política de acolhimento estamos entregando mais um espaço que atenderá as demandas da comunidade. Hoje toda a cidade tem Unidades Básicas de Saúde, ou seja Estratégia Saúde da Família, que tem como principal missão a promoção da saúde", afirmou Sílvio Mendes, presidente da Fundação Municipal de Saúde.

O Polos de Academia da Saúde são dotados de infraestrutura, equipamentos e profissionais qualificados. Como ponto de atenção no território, complementam o cuidado integral e fortalece as ações de promoção da saúde em articulação com outros programas e ações de saúde como a Estratégia da Saúde da Família, os Núcleos de Apoio à Saúde da Família e a Vigilância em Saúde.

O Polo de Academia da Saúde do Monte Castelo recebeu o nome de Lúcia de Fátima Pereira de Meneses, que era assistente social da Fundação Municipal de Saúde (FMS) e contribuiu muito para a saúde do município.

“Quero agradecer, em nome da família, aos gestores que deixaram ela exercer aquilo que mais gostava: cuidar das pessoas. Minha tia, desde jovem, sempre foi guerreira, destemida e tinha uma vida muito corrida, como muitas mulheres, trabalhava dois turnos e estudava à noite. Escolheu Serviço Social porque o altruísmo era uma de suas principais qualidades, vivia para o trabalho. Passou por um câncer de tireóide de maneira tão serena e forte, era mulher de muita fé, inspiradora. Ela olhava com amor para o próximo. Me ensinou muito da vida, o amor incondicional, a caridade. Gratidão em nome da família por tê-la em nossas vidas”, finalizou Maria Danielle Menezes, sobrinha da homenageada Lúcia de Fátima.


Fonte: Com informações da Prefeitura de Teresina