Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Praça João Lisboa e Largo do Carmo em São Luís (MA) são revitalizados

A obra faz parte de uma série de intervenções promovidas pelo Iphan em parceria com a Prefeitura de São Luís para revitalização do Centro Histórico da capital maranhense.

Praça João Lisboa e Largo do Carmo em São Luís (MA) são revitalizados
Praça João Lisboa restaurada em novembro | Divulgação Iphan
Compartilhe

Divulgação Iphan

Referência em atividades de lazer e cultura da capital São Luís (MA), o conjunto urbanístico Praça João Lisboa e Largo do Carmo teve revitalização concluída no início de novembro, por meio de uma parceria entre o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e a Prefeitura de São Luís.

A região faz parte de um dos principais eixos viários do centro histórico da capital maranhense, sendo  tombado pelo Iphan em 1955. A área integra, também, o Conjunto Arquitetônico, Urbanístico e Paisagístico da cidade de São Luís/MA com tombamento federal de 1974, além de estar inserida no perímetro do Centro Histórico da capital, inscrito na Lista do Patrimônio Mundial da Unesco desde 1997.

A praça e o largo são referência urbana, portando diferentes atividades de lazer, comércio e cultura. Sua configuração atual foi implantada nas primeiras décadas do século XX. Após algumas intervenções, o local hoje conserva o piso em mosaico português com desenhos metamórficos, canteiros e bancos. Durante as obras de restauração, foram encontrados os trilhos do antigo bonde, transporte fundamental para a mobilidade da cidade na primeira metade do século XX. Agora visíveis, eles se tornaram mais uma atração do complexo.

Ruas do entorno do Largo do Carmo foram revitalizadas.A área restaurada compreende um perímetro de 12 mil metros quadrados. A obra é mais uma de uma série de intervenções que busca revitalizar o Centro Histórico de São Luís.  O projeto do Iphan incluiu soluções urbanísticas e arquitetônicas que proporcionam um espaço público de qualidade, priorizam os pedestres e oferecem serviços essenciais, como iluminação, acessibilidade e pavimentação em ruas do entorno da praça.

Foi feita, ainda, a recomposição das áreas da pavimentação dos mosaicos de pedra portuguesa, emolduradas pelos blocos de pedra de lioz, fazendo a marcação das pavimentações mais antigas daquele espaço, e a uniformização da pavimentação das vias, com reincorporação do piso em blocos de paralelepípedos.

“As requalificações oriundas da parceria com a prefeitura são antes de tudo respeito à história, respeito à nossa gente. O jornalista e escritor que deu nome a uma das praças mais antigas de São Luís, de certo, estaria orgulhoso dos novos ares que a Praça João Lisboa e o Largo do Carmo tomaram”, avalia o superintendente Iphan-MA, Maurício Abreu Itapery.

Divulgação Iphan

Largo do Carmo e João Lisboa

A denominação de Largo do Carmo é devido ao Convento e Igreja Nossa Senhora de Monte Carmelo. Já a Praça João Lisboa recebeu este nome em homenagem ao escritor e jornalista maranhense João Lisboa que ali residiu. Em 1918, ele foi homenageado com uma estátua de autoria de Jean Magrou, que integra a praça. A estátua passou por total limpeza das suas composições em bronze e aplicação de verniz protetivo para minimizar os danos sobre sua superfície.

Também foram restaurados o busto do Frei Carlos Olearo e o Relógio do Largo do Carmo, com manutenção total de seus maquinários, desde o ponteiro, numeração, passando pela composição dos quadros laterais.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar