Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Prédio de Finatec é fechado na manhã deste sábado

Prédio de Finatec é fechado na manhã deste sábado

Compartilhe

O pr?dio onde funciona a sede da Funda??o de Empreendimentos Cient?ficos e Tecnol?gicos (Finatec), localizado dentro do campus da Universidade de Bras?lia (UnB), foi fechado na manh? deste s?bado. Por volta das 9h, cerca de 30 alunos que assistiam ?s aulas de p?s-gradua??o em Agronomia e funcion?rios foram retirados do edif?cio. A medida, determinada pelo Minist?rio P?blico do Distrito Federal (MPDFT), tem como objetivo evitar a retirada de documentos que possam comprovar as den?ncias contra a Finatec.

Dois promotores do Minist?rio P?blico do Distrito Federal, um interventor e quatro viaturas da Pol?cia Militar estavam no local. Na noite desta sexta-feira, a desembargadora N?dia Corr?a Lima, do Tribunal de Justi?a do DF, acatou pedido do MPDF para afastar os cinco diretores da Finatec. Os argumentos foram que os diretores ?v?m praticando in?meras irregularidades em contratos celebrados com o poder p?blico mediante dispensa de licita??o e aplicando irregularmente recursos que deveriam ser destinados ao desenvolvimento cient?fico e pesquisa?. A decis?o da ju?za teve como sustenta??o a a??o inicial apresentada pelo MP no final de janeiro.

No in?cio da tarde o advogado da Finatec, Francisco Caputo, chegou ao local e criticou a a??o do Minist?rio P?blico. Ele alegou que a decis?o judicial n?o determinou a desocupa??o do pr?dio e seu fechamento. Ele tamb?m ressaltou o fato de o campus da UnB ser uma unidade p?blica federal. Por isso, a entrada de policiais militares s? poderia acontecer com autoriza??o da seguran?a da institui??o de ensino. ?A decis?o expedida pela desembargadora em momento algum cita interven??o policial no edif?cio sede. Essa foi uma postura arbitr?ria do Minist?rio P?blico e n?s iremos protestar na Justi?a?, afirmou Caputo, que avaliou como ?irrespons?vel? a determina??o do ?rg?o.

O supervisor da pol?cia militar, capit?o J?rferson Gon?alves de Castro, garantiu que o efetivo vai permanecer no local. ?Estamos apenas seguindo uma determina??o. O local dever? permanecer fechado at? segunda-feira. A n?o ser que at? l? saia uma outra decis?o?, argumentou.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar