Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Prefeitos do Piauí participam da Marcha em defesa dos Municípios

O evento iniciou nesta segunda (15) e se encerra na quinta (18)

Compartilhe
Google Whatsapp

Mais de 250 representantes do Piauí estão participando da 20ª edição da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios que teve início nesta segunda-feira (15). Esse é o maior número que o Estado já enviou para o evento.

Na cerimônia de abertura realizada nesta sexta (16), no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, relembrou as dificuldades enfrentadas pelas prefeituras e destacou o papel do governo federal na melhoria de condições para os Entes locais.

Paulo Ziulkoski, presidente da Confederação Nacional de Municípios
Paulo Ziulkoski, presidente da Confederação Nacional de Municípios

Participaram da cerimônia o presidente da República, Michel Temer, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e o presidente em exercício do Senado, Cássio Cunha Lima, além de alguns ministros de Estado.

Ziulkoski falou sobre a emoção de realizar a vigésima Marcha, evento que já trouxe mais de R$ 500 bilhões aos Municípios. “Há vinte anos fomos recebidos por cachorros e, hoje, o governo estar aqui para esse diálogo, é muito importante”. Ele destacou que os Municípios vêm ao longo de décadas enfrentando problemas em decorrência da centralização de recursos. “Até hoje a nossa Constituição está incompleta. Há ainda a centralização em nosso país”, disse.

 class=

Ele alertou que um dos principais problemas está no subfinanciamento dos programas federais. “Não temos mais como governar, pois estamos governando os programas dos governos federal e estadual. Esse é o nosso problema maior”. Ziulkoski também ressaltou as consequência aos Municípios por conta da aprovação da Emenda Constitucional 95, que congela os gastos da União por vinte anos. Ele disse que o governo tinha que tomar uma posição para promover o ajuste fiscal, mas questionou os impactos da medida. “São 390 programas que não são corrigidos, são subfinanciados. Como vai ser a correção agora com essa emenda?”, disse.

Presentes na cerimônia, os presidentes da Câmara e Senado afirmaram comprometimento com o movimento municipalista e, em consequência, com os pleitos municipais que tramitam nas Casas.

Os prefeitos piauienses estiveram atentos na abertura do evento que se encerra na próxima quinta-feira (18). 

Veja quem está prestigiando o evento:


 class=

 class=

 class=

 class=

 class=


 class=

 class=

 class=

 class=

 class=

 class=

 class=

 class=

 class=




Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto