A Polícia Civil de Aparecida de Goiânia, região metropolitana da capital, deteve nesse sábado (3) o estudante de direito Ubiratan Guilherme Digues,35, suspeito de matar a piauiense Adriana Nunes de Sousa ,24, natural do município de Cristino Castro-PI; O corpo da vítima foi encontrado dentro de uma mala, em um córrego da cidade no dia 23 de fevereiro.

A policia suspeita que a jovem tenha sido morta por estrangulamento, devido as marcas encontradas em volta do pescoço, o corpo foi encontrado após denúncia dos moradores da região que acionaram o Corpo de Bombeiro.

Segundo as investigações, o crime ocorreu no dia 22 de fevereiro na casa do estudante, os dois dois haviam um relacionamento e foram vistos juntos fazendo compras em um supermercado da região na véspera do ocorrido.

“Apesar dele negar envolvimento, nós temos todos elementos que comprovam que estiveram juntos e que ele é o autor do homicídio. A motivação ainda não foi esclarecida” disse o delegado Klayter Camilo.

O suposto autor do crime, Ubiratan Guilherme foi preso em um prédio, onde trabalhava como porteiro, ele informou que estava cursando o 9º período do curso de direito.