Presos cavam buraco em cela, mas fuga é abortada por agentes no PI

No local havia ainda uma "Tereza", feita com lençóis dos detentos

O trabalho dos agentes penitenciários de Floriano evitou uma fuga em massa na Penitenciária Gonçalo de Castro Lima, situada na localidade Vereda Grande, zona rural do município.  A tentativa de fuga ocorreu no início da noite do último sábado (2).

Em comunicado repassado à imprensa local, o diretor da Penitenciária, João Luis Ferreira, explicou que no final do horário de visitas a equipe de serviço juntamente policiais da Força Tática do 3° BPM fez uma vistoria e encontraram um buraco pronto para fuga.

No local havia ainda uma "Tereza", feita com lençóis dos detentos, que seria usada para escalar o muro do presídio.

“Chamamos a outra equipe do COP, da Força Tática e mais uma viatura com o CPU. Realizamos um trabalho e tomamos todas as providências. Estamos tomando as providências, inclusive, fizemos vistorias na sexta-feira e ontem no sentido de evitar qualquer alteração naquela unidade. Nosso trabalho está incessante”, escreveu na nota.




Fonte: Com informações do Floriano News
logomarca do portal meionorte..com