PRF faz apreensão de madeira transportada ilegalmente no Piauí

Os veículos entraram no Piauí sem passar pelo posto da Sefaz

A Polícia Rodoviária Federal fez apreensão de madeira transportada ilegalmente no Piauí. As ocorrências aconteceram nesta segunda (5) e terça (6) em Picos e Tereisna.  Os veículos vinham desviando de fiscalização ambiental e fazendária, tendo entrado no PI sem passar por posto da Sefaz-PI.

Nesta terça-feira (6), na  BR-316, km 299, no município de Picos, os policiais abordaram dois caminhões vindos do Pará com destinos a João Pessoa (PB) e Delmiro Gouveia (AL), carregados com 38m³ e 35m³ de madeira respectivamente.  Um dos condutores apresentou uma Nota Fiscal falsa e um Guia Florestal do estado do Pará também falsa e o outro condutor  apresentou uma Nota Fiscal válida e uma guia florestal do estado do Pará também falsa.


O caminhão de placas JPX-8612 e semirreboque LPP-7612 era conduzido por G.N.M. (25). O condutor apresentou nota fiscal e guia florestal com 38m3 de madeira diversas e, após consultas, resultaram em documentos inválidos e não encontrados.

No outro caminhão de placas CUE-0878 e semirreboque GBP-9850, conduzido por T.S.M., os policiais solicitaram  documentação da carga transportada e o condutor apresentou nota fiscal  e guia florestal com 35m³ de madeira diversas e, após consultas, resultaram também  em documentos inválidos e não encontrados.

Os condutores dos veículos foi encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Picos para os devidos procedimos e o veiculo ficou estacionado no pátio da PRF para ser encaminhado ao IBAMA.


Apreensão em Teresina

Em Teresina, na BR-316, os agentes abordaram, nesta segunda-feira (5) o veículo Ford/Cargo 2429 de placas OVX-9739 que estava sendo conduzido por A.L.S, 46 anos,

Após abordagem do referido veículo, este fora encaminhado a Sefaz-PI, para pesagem onde verificou-se existir 34m³ de madeira que  não conferem com a nota fiscal nem  com o Documento de Origem Florestal – DOF apresentados.
Em Teresina,  o veículo fora notificado e retido para fiscalização do IBAMA e realização dos devidos procedimentos legais.


Fonte: Portal MN
logomarca do portal meionorte..com