Quase 200 municípios do Piauí participam da XX Macha à Brasília

Uma das pautas do Piauí na Marcha é pedido de alargamento da BR-135

Faltando apenas dez dias para o maior evento municipalista do Brasil, a XX Marcha em Defesa dos Municípios, 189 representantes de municípios piauienses já se inscreveram para o evento que acontece em Brasília. Dentre os já inscritos, 108 são prefeitos municipais.

A Associação Piauiense de Municípios (APPM) acredita que a ocasião servirá como ponte para compartilhar os anseios e unir mais de três mil prefeitos já inscritos na Marcha de 2017. É uma oportunidade para não só ouvir os discursos, mas para manifestação direta dos prefeitos num grito de alerta ou pedido de socorro explícito, que possa provocar um choque na consciência daqueles que representam os municípios em Brasília.

“A voz do prefeito deve ser ouvida, respeitada. O prefeito sim representa o povo. A hora é para respostas urgentes. É preciso coragem, união e ousadia para quebrar o silêncio do Congresso Nacional em relação à atenção urgente das ações municipalistas, atendendo aos apelos dos prefeitos”, reclama o presidente da APPM e prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos.

Paralelo a Marcha, os gestores piauienses devem se reunir no dia 16 de maio, à noite, com a bancada do Estado no Congresso Nacional e com o governador do Piauí, Wellington Dias. Após a reunião com a bancada, os prefeitos participam de um jantar.

O presidente deseja ainda uma excelente e inesquecível Marcha dos Municípios. “Que não seja apenas mais uma Marcha, mas que seja a "MARCHA" e traga resultados extremamente positivos para clarear o rumo atual das administrações municipais gerando boas expectativas. Bom evento!”, conclui.

Alargamento da BR-135

Uma das pautas do Piauí durante a XX Marcha vem dos prefeitos da Associação dos Municípios do Extremo-Sul do Piauí (AMES). É o pedido de alargamento da BR-135, que corta aquela região do Estado. Só nos três primeiros meses de 2017, das 39 vítimas fatais das estradas federais do Piauí, 33 foram naquele trecho.

O presidente da AMES e prefeito de Riacho Frio, Betim, já convocou diversos órgãos, como PRF e DNIT, a discutirem o problema e encontrarem uma solução.

"O alargamento da BR-135 é fundamental para a segurança de quem trafega por ela e para o desenvolvimento de nossa região. Entregaremos estudos técnicos à bancada federal do Piauí, reivindicando aos nossos representantes o apoio necessário para o alargamento desta importante rodovia", comenta o presidente.

Fonte: Portal MN
logomarca do portal meionorte..com