O jogador Ronaldo Fenômeno revelou durante entrevista ao programa Conversa com Bial desta quinta-feira (20), que tentou ajudar o médium curandeiro João de Deus e chegou a pagar R$ 80 mil por uma pedra oferecida a ele. Famoso entre as celebridades brasileiras, João de Deus foi condenado em 2019 pelo estupro de centenas de mulheres. 

"Decidi comprar uma[pedra], no preço de 80 mil reais. Depois dessa história toda que veio à luz, e parece que acontecia há muito tempo, eu também me senti violado, levei uma 'facada'", lamentou.

O  fato aconteceu antes do surgimento das denúncias contra o médium, e o jogador, que está há uma década longe dos campos, conta que não tinha nenhum problema nem buscava cura quando visitou o município de Abadiânia, em Goiás, cidade onde o médium atuava. Movido pela curiosidade, aceitou o convite do próprio João e organizou uma turma para conhecê-lo. "Fiquei impressionado, mas depois de ver o que ele realmente era, aquilo me assustou", confessa.

Ele recorda que o médium comentou que sofrera um assalto e, em tom de desabafo, afirmou que quando não era uma entidade era uma pessoa normal, um garimpeiro, e precisava de dinheiro. "A gente decidiu ajudar comprando algumas pedras", relembra.

No fim de 2018, João foi denunciado por abuso sexual de mais de trezentas mulheres que buscaram sua ajuda. Além dos crimes sexuais, o médium foi indiciado por falsidade ideológica, corrupção de testemunha e coação e posse ilegal de armas de fogo e munição. Em 19 de dezembro de 2019, foi condenado a 19 anos de prisão. 

Ronaldo Fenômeno ao lado do médium João de Deus | foto: DivulgaçãoRonaldo Fenômeno ao lado do médium João de Deus | foto: Divulgação

Com informações do GShow