Rota das Emoções vai ganhar novas trilhas para veículos off road

Região reúne o litoral do Piauí, Ceará e Maranhão

Em nova audiência com o setor de fabricantes e montadoras de veículos off road, o governador Wellington Dias encaminhou, nesta segunda-feira (11), a implantação de novas trilhas para quadriciclos e triciclos na Rota das Emoções, circuito turístico que atrações turísticas do Piauí, Ceará e Maranhão.

Uma expedição para definir as trilhas está agendada para o final deste mês e até dezembro será elaborado um marco regulatório que irá traçar as regras de trânsito e sinalização para os veículos especiais no estado.

Atualmente, os estados do Piauí e Minas Gerais têm sido alvo de investimentos internacionais no setor de veículos off road, termo que designa atividades esportivas praticadas em locais que não possuem estradas pavimentadas, calçamento ou qualquer estrutura urbana, ou caminho de fácil acesso. O litoral do Piauí, ligado às belezas naturais da região de Jericoacoara (CE) e dos Lençóis Maranhenses (MA) formam um circuito ideal para a prática do esporte, que une aventura e natureza.

Rota das Emoções  (Crédito: Reprodução)
Rota das Emoções (Crédito: Reprodução)

O empresário Fernando Alves, representante da BRP, grupo canadense que vem tendo contato com o Governo do Piauí desde a viagem de Dias ao Canadá, esteve presente na audiência no Palácio de Karnak. Para ele, o projeto deverá fortalecer a região nas áreas de hotelaria e comércio no setor mecânico e de abastecimento de combustíveis.

“Buscamos alavancar o que já existe do projeto inicial da Rota das Emoções, mas diversificando para os veículos off-road que hoje não existe uma regulamentação para eles. Então, o projeto se baseia em uma ideia econômico-sustentável que respeite o meio ambiente, a comunidade local e que possa desenvolver a economia regional nos diversos trechos onde as trilhas off-road passariam”, explica o empresário.

Um outro foco apresentado no projeto diz respeito à questão ambiental. A implantação na Rota das Emoções seguiria os modelos de desenvolvimento já utilizados em circuitos off-road em Quebec, no Canadá. Segundo os empresários, o tamanho da Rota e a reunião de governos, ministérios e organizações como o Sebrai na potencialização do circuito fazem da região um lugar ideal para a implantação do investimento internacional.

Uma caravana de prospecção de trilhas está agendada para os dias 29 e 30 de setembro e 1º de outubro e um marco regulatório para o trânsito e a criação das trilhas deverá ser publicado até o final deste ano.

Fonte: Portal Meio Norte
logomarca do portal meionorte..com