Saiba o que é e se você sofre de "pescoço de texto"

Cabeça abaixada para olhar o aparelho causa sobrecarga na nuca

Novos costumes e hábitos influenciam na postura e na saúde do corpo. Que o diga a epidemia de obesidade que afeta o mundo todo. Pois o uso de celulares, tablets e outros dispositivos eletrônicos estão causando o chamado "pescoço de texto". Trata-se do hábito de checar mensagens, enviar outras ou ficar navegando em redes sociais, o que normalmente é feito com o pescoço dobrado, pendendo para frente.

Image title

O que pode parecer sem importância está recebendo alertas de médicos ortopedistas e especialistas em coluna. O hábito pode causar dores de cabeça ou desconfortos nos ombros, braços e até piorar casos de artrite. Sem falar nos pulsos, que já sofrem com o hábito de digitar e navegar em dispositivos como os tablets.

"O pescoço de texto é causado pela flexão do pescoço por longos períodos de tempo. O número de vítimas vem crescendo à medida que aparelhos eletrônicos tornam-se cada vez mais populares. O corpo vai se adaptando a essa postura, mas rege ao estresse, causando problemas", disse a médica Rachael Lancaster, da clínica Freedom Back.

A cada hora que você abaixa a cabeça para ficar olhando no celular, é como se um peso de 25 quilos tivesse na sua nuca, o que faz com que o seu pescoço fique se projetando cada vez mais pra frente. Alguns exercícios podem ajudar. “A pessoa vai estender a cabeça de forma suave e depois começar a estender o tronco também de forma bem suave para trás”, explica.

Pode ser no chão mesmo “Tenta levantar os cotovelos, não deixa sentir nenhuma compressão atrás”, diz fisioterapeuta. A que ponto chegamos: um mundo novo na palma da mão puxou nossa cabeça como um imã. Agora, o desafio é voltar um pouco ao passado pra que o horizonte volte a ser o foco do nosso olhar.

Fonte: Com informações do Terra
logomarca do portal meionorte..com