mais

São Luis é primeira capital do Brasil a vacinar adolescentes

Nesta terça (13), jovens de 17 anos receberam a primeira dose da vacina contra Covid-19 e nesta quarta-feira (14), jovens de 16 anos serão contemplados.

São Luís (MA) iniciou, nesta terça-feira (13), a vacinação contra Covid-19 para pessoas com menos 18 anos. A capital é a primeira do Brasil a ampliar a vacinação para adolescentes, de 12 a 17 anos. Nesta terça (13), jovens de 17 anos receberam a primeira dose e nesta quarta-feira (14), jovens de 16 anos serão contemplados. 

O sistema para cadastro foi aberto no domingo (11) e a expectativa é de imunizar cerca de 110 mil adolescentes. Segundo a Prefeitura, o município já conseguiu aplicar a primeira dose em 90% da população adulta; e 20% da população foi contemplada com a segunda dose ou dose única.  Jovem vacinada contra Covid-19 em São Luis | foto: Reprodução/Redes SociaisJovem vacinada contra Covid-19 em São Luis | foto: Reprodução/Redes Sociais

Situação nos estados

Embora o Ministério da Saúde ainda não tenha anunciado a ampliação da vacina contra Covid-19 para adolescentes a partir de 12 anos, diversos estados estão se mobilizando para incluir esse público no calendário de vacinação. 

Em pelo menos seis estados, prefeituras e secretarias estaduais de saúde anunciaram medidas para aplicar a vacina nesse público-alvo. 

Nesta terça-feira (13), o governador do Piauí, Wellington Dias, representando os governadores brasileiros, se reuniu com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, para tratar, entre outros assuntos, da vacinação dos adolescentes a partir de 12 anos. No Piauí, ainda não há previsão de começar a vacinar esse público. 

Em São Paulo, a previsão é que a primeira dose seja aplicada a partir do dia 23 agosto, contemplando adolescentes com comorbidades e deficiências.

No Rio Grande do Sul, a Secretaria Estadual da Saúde (SES) e o Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul (Cosems/RS) anunciaram, na segunda-feira (12), a ampliação da vacina para jovens com comorbidades e idades entre 12 e 18 anos incompletos, a partir da próxima remessa da vacina da Pfizer.

No Ceará, o cadastramento foi aberto desde o mês passado, mas ainda não há data para começar a vacinação. 

Também incluíram os adolescentes no calendário de vacinação, os estados da Paraíba e Rio de Janeiro, com previsão a partir de setembro. Salvador (BA) fez o pedido ao Ministério da Saúde e aguarda resposta.  

Imunizante destinado

Dos quatro imunizantes disponíveis hoje no Brasil, a Pfizer é a única que tem autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária  (Anvisa) para ser aplicado nessa faixa etária. 

Segundo a Pfizer e a BioNTech, que desenvolveram a vacina juntas, o imunizante obteve 100% de eficácia em adolescentes com idades entre 12 e 15 anos. A vacina já é autorizada para adolescentes de 12 anos ou mais nos Estados Unidos, no Canadá, no Reino Unido e na Europa.

Agora, a Pfizer também está testando o imunizante nos Estados Unidos e na Europa, em bebês a partir dos 6 meses de idade e em crianças com 11 anos ou menos.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail