Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

São Miguel do Tapuio inaugura Serviço de Inspeção Municipal

São Miguel do Tapuio se torna um dos municípios pioneiros na região dos Carnaubais.

Compartilhe

O Prefeito de São Miguel do Tapuio, Lincoln Matos, acompanhado da primeira-dama e Secretária Municipal de Promoção, Assistencial Social e Trabalho, Dona Maria do Carmo Mota Matos,  inaugurou o Serviço de Inspeção Municipal (S.I.M), que dará o certificado de qualidade aos produtos artesanais de origem animal e vegetal, produzidos por pequenos e médios empresários, agricultores e produtores rurais do município.

O serviço irá funcionar como marca de qualidade e higiene dos seguintes alimentos (Mel, Cajuína, Castanha de Caju, Doces, Leite, Queijo, Ovos, Polpa de fruta, Goma, Farinha, Feijão, Arroz e todos os tipos de Carne, incluindo variados tipos de peixes).

O evento, transmitido em tempo real no Facebook do gestor municipal, foi mediado pelo Secretário Municipal de Saúde, Victor Hugo Aragão. Gecivaldo Gama, agente de Desenvolvimento Territorial da Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan), e o Coordenador do S.I.M, Miguel Araújo compuseram a mensa de honra, ao lado do prefeito e da primeira-dama.

São Miguel do Tapuio se torna um dos pioneiros na região dos Carnaubais (Assunção, Boa Hora, Boqueirão do Piauí, Buriti dos Montes, Cabeceiras do Piauí, Campo Maior, Capitão de Campos, Castelo do Piauí, Cocal de Telha, Jatobá do Piauí, Juazeiro, Nossa Senhora de Nazaré, Novo Santo Antônio, São João da Serra e Sigefredo Pacheco), já que poucos municípios contam com um Serviço de Inspeção Municipal. 

Convidado especial e palestrante do evento, Gecivaldo Gama, representando a Seplan, falou sobre o comprometimento do prefeito Lincoln Matos em criar efetivamente o Selo do Serviço de Inspeção Municipal (S.I.M).

Segundo ele, em 2018 o prefeito Lincoln Matos exigiu que fosse assinado um Termo de Cooperação Técnica entre os 16 gestores municipais da região dos Carnaubais,  visando as condições para a criação do Serviço de Inspeção.

“O município está de parabéns e toda a população da cidade. Tudo começou em 2017, quando no início do ano o Conselho do Território dos Carnaubais se reuniu, na cidade de Buriti dos Montes, para planejar o Plano de Ação para 2018, sendo que neste Plano de Ação o Conselho elegeu como prioridade das prioridades implantar o S.I.M no território. No início de 2018, o prefeito de São Miguel do Tapuio, Dr. Lincoln Matos, exigiu que fosse realizada uma assembléia aqui em São Miguel com os 16 gestores da região dos Carnaubais, para assinar um Termo de Cooperação Técnica, celebrado entre os 16 municípios, a Agência de Defesa Agropecuária do Piauí (Adapi), Vigilância Sanitária a Seplan, e esta plenária aconteceu.”, afirmou Gecivaldo.

Gecivaldo também falou sobre toda a preparação e elaboração da criação do Serviço. 

“Eu percorri os 16 municípios acertando detalhes com os gestores, vendo como seria o funcionamento desse Sistema de Inspeção, e no segundo semestre de 2018 aconteceu a qualificação das equipes técnicas, em Teresina. Já em 2019 evidentemente o município de São Miguel do Tapuio se preparou e se planejou para realmente esse grande dia de hoje.”, acrescentou. 

De acordo com o Agente de Desenvolvimento, a ovinocaprinocultura ( Criação para corte, de ovinos e caprinos) será uma das mais valorizadas, beneficiando os pequenos e médios criadores da região. 

“O Serviço de Inspeção Municipal vai agregar valor aos produtos feitos aqui, incentivar a agricultura familiar, valorizando a ovinocaprinocultura, que é o principal arranjo produtivo do território. O Serviço de Inspeção Municipal vai valorizar os bodes. O S.I.M representa a certificação, a verificação e a garantia de que um produto está propício para o consumo humano, ou seja, pronto para ser comercializado e que este produto não causa dano à saúde da população consumidora. Então a inspeção é isso.”, explicou. 

O Coordenador do Serviço de Inspeção Municipal, Miguel Araújo, afirmou que o prefeito Lincoln Matos adaptou a lei estadual à municipal, inclusive acrescentou a questão da merenda escolar, ou seja, a lei estadual não especificava a venda da merenda com contribuição dos produtores locais, o que a partir de então será permitido com a criação e inauguração do SIM.

“É com muita honra e prazer que estamos aqui hoje para entregar o S.I.M para a população da nossa cidade, não só entregar à nossa população, mas aos 16 municípios da região dos Carnaubais, que se precisarem do nosso Serviço de inspetores, tanto na área animal como vegetal, nós estamos no pronto a partir de hoje .Aliás, estamos no ponto desde o dia da criação da lei, 25 de setembro de 2019, e através do DECRETO Nº 183/2020 que regulamentou a lei. “enfatizou Miguel Araújo. 

A equipe do S.I.M é composta pelo Coordenador Miguel Araújo – Médico Veterinário -; Marco Antonio de Sousa Estevam – Engenheiro Agrônomo; Francisco Camerino de Araújo Chaves Filho -  Fiscal da Vigilância Sanitária; Neuma Beserra  Mendes – Fiscal da Vigilância Sanitária;  Esaú Costa Rodrigues – Técnico Agrícola.

“Então para as pessoas que têm interesse em legalizar os seus produtos de origem animal e vegetal, nós temos uma sala já montada aqui na Prefeitura de São Miguel do Tapuio, onde vai funcionar o S.I.M, que é o nosso Sistema de Inspeção Municipal. A equipe está preparada, passamos por cursos  e estamos prontos para trabalhar para o S.I.M.”, complementou Miguel Araújo, coordenador do S.I.M.

Emocionado, o prefeito de São Miguel do Tapuio, Lincoln Matos, iniciou sua fala fazendo agradecimentos. 

“Primeiramente quero agradecer ao Gecivaldo, técnico empenhado, competente, compromissado e que acredita no que faz, pelo fato de ele estar hoje aqui fazendo a apresentação que fez do que é o S.I.M. Quero agradecer ao empenho do Miguel, Marco Estevam, Camerino, Neuma e a todo o pessoal que faz o quadro do Serviço de Inspeção, que participaram diretamente do nascimento do S.I.M. “, disse.

“Não produzo um grão de nada, me restrinjo a utilizar  da melhor forma possível o que os nossos agricultores, pecuaristas produzem, eu não tenho nada de pessoal nessa área, lamentavelmente. Mas eu quero dizer que independente disso, ou até por isso, hoje é um momento extremamente importante, inclusive é de uma importância, me perdoem a franqueza, a maioria de nós que estamos aqui não atentamos ainda para o tamanho do que representa esse evento.”, destacou.

O gestor municipal enfatizou que o S.I.M valorizará os pequenos e médios agricultores da região, possibilitando liberdade para negociação e produção, já que os produtos uma vez inspecionados e certificados, poderão ser comercializados em São Miguel do Tapuio e nos outros 15 municípios que fazem parte do Território dos Carnaubais. 

“O S.I.M é a autorização, a liberdade que se dá ao nosso pequeno agricultor, ao nosso pequeno pecuarista ou aos médios e grandes agricultores e pecuaristas da nossa região para negociarem o que produzem, de forma correta e lucrativa. “, destacou. 

“Hoje vem um atravessador, compra seu caprino/ovino e leva ‘à preço de banana', e por quê isso acontece? O município gasta R$ 30 mil em merenda, nós sabemos que é muito mais que isso, ou seja, são mais de R$ 100 mil por mês, e desde a primeira vez que fui prefeito, isso na década de 1980, eu procurei fazer tudo que era possível fazer para que o recurso da Prefeitura circulasse dentro do município.", argumentou o prefeito. 

Segundo Lincoln Matos, a criação do S.I.M representa a fomentação da economia local, possibilitando a produção adequada e garantindo produtos de qualidade para o consumo da população local.

“São Miguel do Tapuio é produtor de feijão, mas compramos muitas vezes lá da Bahia, não que eu tenho nada contra, mas prefiro que seja comprado aqui. Com este S.I.M e com esse ato tão simples de hoje, podemos dizer que isso acabou. A partir de agora, e isso só vai acontecer se os nossos produtores não quiserem, quem têm galinhas, ovos, tipos de ave, caprinos, suínos, ovinos, bode, boi, e que queira vender para o município vai ter condição de vender quando, como disse o Miguel, se cadastrar e contar com o acompanhamento do S.I.M.", declarou o prefeito.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar