Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Sem estoque, 350 pacientes esperam por transplante de córnea no Piauí

Por norma técnica, o estado está recorrendo ao Banco Nacional de Doações para diminuir a espera dos pacientes

Compartilhe

No Piauí, em razão da pandemia do coronavírus, 350 pacientes estão na fila para receber o transplante de córnea. Por norma técnica, o estado está recorrendo ao Banco Nacional de Doações para diminuir a espera dos pacientes. Segundo a diretora da Central de Transplantes, Maria de Lourdes Veras, no momento, só está sendo permitida a retirada de múltiplos órgãos, em acordo com o tempo do resultado do exame da Covid-19.

"As doações de córnea, que a gente obtinha no Instituto Médico Legal (IML) ou no serviço de verificação de óbitos, não estão sendo permitidas devido à necessidade do exame antes", explica.

Maria de Lourdes, diretora da Central de Transplantes do Piauí - Foto: Divulgação

Antes de proceder com o transplante, por precaução, o doador passa por exame específico para detectar o DNA complementar do coronavírus. De acordo com Lourdes Veras, o exame é complexo e pode ultrapassar o tempo de 24 horas.

"Nas urgências, realmente estamos recorrendo ao Sistema Nacional para poder atender a demanda de córneas já perfurados, ou com iminência de perfuração. Os que nós transplantamos vieram de outros estados", disse. A diretora da Central de Transplantes esclarece que até agora foram feitas duas doações de múltiplos órgãos no Hospital Getúlio Vargas.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar