Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

SSP lança aplicativo para combater furto e venda de celulares roubados

Com registro de mais de 10 mil celulares furtados por ano, a Secretária de Segurança do Piauí sentiu a necessidade de investir nesta nova ferramenta para baixar os índices de criminalidade nesta área.

Compartilhe
Google Whatsapp

O Secretário Estadual da Segurança Pública, Fábio Abreu Costa, lançou na manhã desta segunda-feira (10), na sede da Agência de Tecnologia da Informação, o aplicativo “Protege Celular”, desenvolvido para combater o roubo, o furto e a prática de comercialização de aparelhos celulares com restrição. 

Com registro de mais de 10 mil celulares furtados por ano, a Secretária de Segurança do Piauí sentiu a necessidade de investir nesta nova ferramenta para baixar os índices de criminalidade nesta área. O secretário de Segurança, Fábio Abreu, destaca que o aplicativo "Protege Celular" surgiu de uma inspiração ao aplicativo que existe em Pernambuco com o nome de "Alerta Celular" e foi adequado, pela ATI. “Nos trouxemos essa ideia e aperfeiçoamos o aplicativo para as necessidades do nosso estado, o dono do celular precisa cadastrar o IMEI do aparelho no aplicativo para que a polícia e a população tenha conhecimento caso o seu aparelho passe a ter restrição em caso de furto ou roubo.”

Ascom

O aplicativo “Protege Celular” já está disponível para o sistema Android e em breve ficará disponível para os sistema IOS. “Qualquer pessoa pode saber qual o IMEI do seu celular digitando o código - *#06# - no teclado disponível para ligações e irá aparecer uma sequência de números e um código de barras para que o cadastro possa ser feito ao sistema do aplicativo "Protege Celular"”, explicou Antônio Torres, diretor geral da ATI.

Segundo o secretário de segurança, Fábio Abreu, a população terá acesso a código de barra que identifica o aparelho de forma única, em caso de furto ou roubo, a vítima poderá incluir imediatamente o seu telefone na lista de aparelho com restrição. "Basta acessar o Protege Celular de outro aparelho, vamos pedir para que a população não esqueça de registrar um boletim de ocorrência e acrescente os dados do BO em até 72 horas. Com isso, a Polícia poderá recuperar e a vítima saberá em qual distrito deve resgatar seu aparelho roubado", disse Fábio Abreu.

Ascom


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar