Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

THE: Serviços de água, luz e telefone têm maior reclamação no Procon

Em um levantamento interno, o órgão constatou que do dia 02 de janeiro a 14 de setembro deste ano, dentre as reclamações registradas, 42,37% são relacionadas à prestação destes três serviços.

Compartilhe

Os serviços de fornecimento de água, luz e telefonia foram os que registraram a maior taxa de reclamação no Procon Teresina. Em um levantamento interno, o órgão constatou que do dia 02 de janeiro a 14 de setembro deste ano, dentre as reclamações registradas, 42,37% são relacionadas à prestação destes três serviços. O aumento dos preços de produtos de supermercados, farmácias e material de construção somam 21,35%, registrando a segunda maior taxa entre as reclamações.

A coordenadora geral do Procon Teresina, Nara Cronemberger, analisa que o ano de 2020 tornou-se atípico nas relações de consumo e afirma que é necessária uma readequação das empresas. “De 918 atendimentos, 389 foram reclamações sobre serviços essenciais, tais como água e energia. Tivemos telefonia também, mas o volume maior ficou por conta da água e energia. De março a agosto presenciamos mudanças comportamentais e econômico-financeiras que redesenharam o mercado de consumo. O Procon Municipal de Teresina tem identificado que o crescente número de reclamações em relação aos serviços essenciais não se deve a uma má prestação desse serviço aos consumidores,  mas a uma necessária adequação financeira, principalmente no tocante às solicitações de renegociações”, explicou.

THE: Serviços de água, luz e telefone têm maior reclamação no Procon

Ainda de acordo com a coordenadora geral, o Procon Teresina está atento também às constantes reclamações de aumento nos preços de alguns produtos, as ações têm acontecido em parceria com o Procon Estadual. “Trabalhamos sob a coordenação do Procon Estadual, o qual  analisa e monitora todas as planilhas de custo solicitadas aos fornecedores. É um trabalho minucioso que requer o auxílio de perícias, mas cujo resultado traduz a segurança e a clareza necessária, seja para harmonizar a relação de consumo, seja para a aplicação de sanção administrativa”, comentou.

Ela informa que, no primeiro dia de fiscalização, foram autuados seis supermercados por causa do preço do arroz. Ao todo, oito estabelecimentos foram fiscalizados durante o trabalho do Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor – Procon/MPPI.

Devido à pandemia, o Protocolo de Atendimento do Procon Teresina está seguindo um protocolo específico.  O retorno para atendimento presencial está sendo feito por agendamento através do e-mail: [email protected] O retorno de Carta de Informações Preliminares (CIP) deve ser agendado através do e-mail: [email protected] O contato para agendamento deve ocorrer de 8h às 14h.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar