TJ-PI quer reestruturação da 1ª e 2ª Varas da Infância e Juventude

Tribunal de Justiça alinha propostas para infância e adolescência.

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí, desembargador Erivan Lopes, recebeu em seu gabinete o coordenador estadual da Infância e Juventude, desembargador Raimundo Nonato da Costa Alencar, acompanhado dos magistrados Maria Luiza de Moura Mello e Freitas e Kelson Carvalho Lopes da Silva, respectivamente titular da 1ª Vara da Infância e Juventude e juiz auxiliar da 2ª Vara da Infância e Juventude de Teresina. A visita objetivou reunião com o deputado estadual Francis Lopes (PRP) para discutir pontos relativos a projeto na área da educação, e alinhar o mesmo a projetos já existentes no referido juizado.

Desembargador Erivan Lopes em reunião com as autoridades para reestruturação da 1ª e 2ª Varas da Infância e Juventude (Crédito: TJ-PI)
Desembargador Erivan Lopes em reunião com as autoridades para reestruturação da 1ª e 2ª Varas da Infância e Juventude (Crédito: TJ-PI)

O presidente do TJ-PI, os magistrados e o deputado trataram de projeto de reestruturação da 1ª e 2ª Varas da Infância e Juventude da Comarca de Teresina, para o atendimento devido à demanda existente nesta Capital que não fora contemplado no Comitê Gestor de Planejamento e Estratégia do TJP-I, bem como a instalação de um espaço no Terminal Rodoviário de Teresina destinado a instalações de serviços da CEJIJ, em parceria com a administração estadual.

O desembargador Erivan Lopes também foi comunicado de entendimento ocorrido entre a CEJIJ e a coordenadoria dos Núcleo de Apoio às Varas da Capital, em torno da realização de um curso de capacitação, dentro do programa “Depoimento Especial”, por meio das equipes técnicas das varas que tratam da violência, vulnerabilidade e situação de risco de crianças e adolescentes.

O desembargador Presidente mostrou-se sensibilizado com as demandas apresentadas e a respeito dos trâmites pertinentes ao Tribunal de Justiça e o que o poderia ser encaminhado pelo deputado Francis Lopes, que na ocasião destacou o apoio da coordenadoria do Núcleo de Apoio às Varas de Teresina. Em relação espaço no Terminal Rodoviário, o presidente autorizou que fossem instalados os serviços da Infância e Juventude.

Por determinação do desembargador Erivan Lopes, o curso de capacitação a ser realizado como parte do programa “Depoimento Especial” será solicitado o necessário requerimento junto à Escola do Judiciário do Piauí (EJUD) para a realização a contento do mesmo.

Fonte: Portal Meio Norte/TJ-PI
logomarca do portal meionorte..com