Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

'Tribunal do crime': vídeo mostra jovem com desafetos após desaparecer

A polícia acredita que o rapaz foi executado por desafetos que disputam o tráfico de drogas na região.

Compartilhe

Um vídeo que circula nas redes sociais pode ajudar a Polícia na elucidação no desaparecimento de Pedro Henrique de Alencar, de 20 anos de idade, que sumiu desde a tarde da última segunda-feira (05), na cidade de Alto Longá, no Norte do Piauí. As imagens teriam sido divulgadas na terça-feira passada pelos suspeitos do envolvimento de seu paradeiro. A polícia acredita que o rapaz foi executado por desafetos que disputam o tráfico de drogas na região.

De acordo com o delegado Paulo Nogueira, que responde pela 15º Delegacia da Polícia Civil do município, a vítima teria sido morto por uma alusão que fez a  facção PCC, em um aplicativo. Ainda conforme Paulo Nogueira, vários criminosos de Alto Longá se dizem pertencer a outra facção, inimiga do PCC, o “Bonde dos 40”. 

Vídeo mostra jovem que estava desaparecido cercado por desafetos (Reprodução/ Redes Sociais)

 O registro mostra Pedro Henrique sentado em uma cadeira, cercado por três homens no interior de um casebre. A pessoa que grava o vídeo, aparece armado e já foi identificada pela polícia. Ele é um menor de idade. “Olha aí, meus irmãos. Pega a visão do cara lá. ‘Amostra’ o rosto aí, menino. Pega a visão do cara das fotos que ‘tava’ no grupo aqui. É esse daqui. Estamos com ele aqui. Ta ligado que 15 aqui não tem vez não”, disse no vídeo o desafeto, mostrando uma arma de fogo em seguida. 

Em entrevista ao portal Campo Maior em Foco, o delegado disse que vai ouvir algumas pessoas e seguir para busca e apreensão do menor. “Pelo menos um deles dos dois já identificados é de Alto Longá e dois seriam de Teresina. Pela voz [de quem grava o vídeo], a polícia não tem dúvidas que se trata do menor que já foi até ouvido informalmente pela polícia” disse o delegado ao Em Foco.

Pelo menos dois dos suspeitos foram reconhecidos por testemunhas na região de uma invasão, que é conhecido por “Arnaldo Filho” na periferia de Alto Longá. Segundo a testemunha, os suspeitos voltaram dizendo que haviam acabados de enterrar um.

Assista o vídeo: 




Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar