Vendedora de banana frita, mãe de 84 anos emociona:'Muito amor'

Ela trabalha de segunda a sábado vendendo banana frita.

Rita Saraiva de Guajará-Mirim, de 84 anos, é um exemplo de vida na cidade onde mora no estado de Rondônia. A aposentada, que é mãe de cinco filhos, trabalha de segunda a sábado vendendo banana frita e não pensa em parar. Além de cuidar da casa e dos filhos, a "super mãe" ainda ajuda com os netos. 

“Tenho muito amor pela minha família. Sou mãe para todos. Minha renda não é exclusiva da venda de banana, mas com certeza ajudou na criação de todos os meus filhos e também dos netos. Fui aposentada porque sofri uma queda e bati a cabeça, eu era funcionária pública, mas não queria me aposentar. Quando chegou o anúncio da aposentadoria eu chorei muito porque queria continuar trabalhando. Estou com muita energia, não sei ficar sem fazer nada”, conta. 

Rita Saraiva de Guajará-Mirim (Crédito:  Júnior Freitas)
Rita Saraiva de Guajará-Mirim (Crédito: Júnior Freitas)

A aposentada está casada com Francisco Manduca, de 85 anos. há 60 anos. Os dois carregam juntos o carrinho de venda até o cruzamento das Avenidas Doutor Lewerger com Campo Sales, em Guajará-Mirim, onde vendem, em média, 100 saquinhos de bananas fritas por dia, pelo valor de R$ 2,50.

“Nossa matéria-prima é da região mesmo, compramos a banana da terra, de produtores locais. Quando o Guajará joga nosso faturamento dobra, é o melhor dia para trabalhar. Eu amo trabalhar”, revelou ela. 

Dedicação, trabalho e apreço reconhecidos pelo marido. “É meu amor e não sei viver sem ela. Venho trabalhar junto porque ela é guerreira, estamos juntos para o que der e vier. Queremos muito o bem um do outro. Uma grande mulher e excelente mãe, até de mim ela cuida como se fosse filho”, disse Manduca. 

Rita Saraiva de Guajará-Mirim vende banana frita (Crédito:  Júnior Freitas)
Rita Saraiva de Guajará-Mirim vende banana frita (Crédito: Júnior Freitas)



Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com